1. Aleluia. Louvai o Senhor, (do alto) dos céus, louvai-o nas alturas.

2. Louvai-o, vós todos os seus anjos, louvai-o, vós todos os seus exércitos.

3. Louvai-o, sol e lua, louvai-o, todas as estrelas luzentes.

4. Louvai-o, céus dos céus, e as águas que estão sobre os céus:

5. louvem (estes seres) o nome do Senhor, porque ele ordenou e foram criados,

6. e estabeleceu-os para sempre, pelos séculos: fixou-lhes uma lei que não passará.

7. Louvai o Senhor, (vós, criaturas) da terra, vós os cetáceos e todos os abismos do mar,

8. o fogo, o granizo, a neve e o nevoeiro, o vento tempestuoso, que cumpre a sua palavra,

9. os montes e todos os outeiros, as árvores frutíferas e todos os cedros,

10. as feras e todos os animais domésticos, os répteis e as aves,

11. os reis da terra e todos os povos, os príncipes e todos os juízes da terra,

12. os jovens e também as donzelas, os velhos, juntamente com os meninos:

13. louvem o nome do Senhor, porque só o seu nome é excelso; a sua majestade está acima do céu e da terra,

14. e (ele) deu ao seu povo um poder sublime. É objecto de louvor para todos os seus santos, para os filhos de Israel, povo que está perto dele. Aleluia.





“Não sejamos mesquinhos com Deus que tanto nos enriquece.” São Padre Pio de Pietrelcina