1. Ao mestre do coro. Salmo. De Davide.

2. Ó Senhor, o rei alegra-se com o teu poder, oh! quanto se regozija com o teu auxílio!

3. Tu lhe satisfizeste o desejo do teu coração, e não lhe recusaste o pedido dos teus lábios.

4. Porque o preveniste com bênçãos de felicidade, puseste sobre a sua cabeça uma coroa de ouro puro.

5. Pediu-te vida, e concedeste-lhe largos dias, pelos séculos dos séculos.

6. Grande é a sua glória, devido ao teu auxílio, glória e esplendor puseste sobre ele.

7. Tu o abençoaste com uma bênção eterna, de alegria o inebriaste na tua presença.

8. Com efeito, o rei confia no Senhor, e pela graça do Altíssimo será inabalável.

9. Caia a tua mão sobre todos os seus inimigos, alcance a tua direita aqueles que te aborrecem.

10. Coloca-os como num forno aceso, ao mostrar-lhes teu rosto (irritado). O Senhor os consuma com a sua ira, e o fogo os devore.

11. Extermina de sobre a terra a sua prole, a sua descendência de entre os filhos dos homens.

12. Se projectarem algum mal contra ti, se maquinarem algum engano, não prevalecerão,

13. porque os porás em fuga, apontarás o teu arco contra o seu rosto.

14. Levanta-te, Senhor, com o teu poder! nós cantaremos e celebraremos a tua fortaleza





“Padre Pio disse a um filho espiritual: Trabalhe! Ele perguntou: No que devo trabalhar, Padre? Ele respondeu: Em amar sempre mais a Jesus!” São Padre Pio de Pietrelcina