MDV denuncia: Senado brasileiro recebe proposta de legalização do aborto

BRASILIA, 25 Ago. 11 / 03:03 pm (ACI)

O Movimento em Defesa da Vida no Brasil (MDV) denunciou que na quinta feira, 18 de agosto, a Frente Nacional contra a Criminalização das Mulheres e pela Legalização do Aborto, reuniu em Brasília representantes de diversas ONGs que promovem a legalização do aborto no país para a realização de uma plenária após a qual representantes destas organizações tiveram uma audiência pública no Auditório Petrônio Portela do Senado Federal para apresentar um documento favorável à despenalização do aborto no Brasil.

A audiência no senado foi convocada pela Senadora Lídice da Mata, do PT da Bahia, com o apoio da senadora Ângela Portela, do PT de Roraima, e da senadora Ana Rita, do PT do Espírito Santo.
O tema da reunião, conforme a convocação oficial, era um “debate sobre os direitos sexuais e reprodutivos das mulheres.”

Conforme havia sido anunciado pela Senadora Marta Suplicy, as organizações que promovem o reconhecimento do aborto como um direito humano no Brasil, pesadamente financiadas por um conglomerado de fundações norte americanas, estão voltando o foco de suas atenções para o Senado Federal.

Dois dias após o término das eleições de 2010, ao ser questionada por uma repórter sobre “as chances, depois do que aconteceu nas eleições de 2010, do PT retomar bandeiras históricas como o direito ao aborto e ao casamento gay”, a senadora Suplicy respondeu: “certamente a prioridade do governo passará longe disso, e a presidente Dilma se comprometeu e não fará nenhum gesto neste sentido. Porém o congresso é outra coisa, e provavelmente deverá recuperar [o tema]”.

Segundo o MDV, durante a mencionada audiência no Senado, representantes de várias ONGs, entre as quais entre as quais está a Articulação de Mulheres Brasileiras, a Marcha Mundial de Mulheres, a Liga Brasileira de Lésbicas, a União Nacional dos Estudantes e a Central Única dos Trabalhadores, apresentaram aos senadores o documento da plataforma para legalização do aborto no Brasil.

Veja tambem  O Papa a jovens: Não tenham medo ao sacrifício, a Igreja confia em vocês

O documento, distribuído no Senado, mas não divulgado pelos meios de comunicação, afirma, entre outras coisas que pretende-se retomar, no Brasil, “a proposta de legalização elaborada pela comissão tripartite, instituída em 2005 pela secretaria de políticas para as mulheres, retirando a prática de abortamento do código penal”.

Isto é, afirma o boletim do MDV, “o infame projeto elaborado pelo Governo Lula, apresentado sob a forma do substitutivo do PL 1135/91, que pretendia tornar o aborto legal durante todos os nove meses da gravidez, uma vez que, removido do Código Penal todas as figuras do crime de aborto, não haverá, no ordenamento jurídico brasileiro, qualquer tipificação de crime contra a vida antes do nascimento”.

A Plataforma insiste, porém, paradoxalmente, em “refutar a tese de que se pretende legalizar o aborto até o nono mês de gestação”.

A Plataforma afirma também que o aborto é apenas “o resultado da interrupção da gravidez até a 22ª semana de gestação e cujo produto pesa até 500 gramas”, discriminando o nascituro e ignorando que se trata de um ser humano completamente formado, dotado do mesmo direito inalienável à vida que qualquer outro ser humano, e não um simples produto que pesa até 500 gramas.

Ademais a Plataforma pretende “impedir que organizações religiosas participem na elaboração e controle social das políticas públicas, ou recebam recursos públicos para ação social que seja orientada por princípios religiosos”.

Segundo o MDV o documento pretende também “garantir a orientação sexual” nas escolas e “impedir a prática do ensino religioso na rede pública de educação”.

Para ver a notícia da reunião pró-aborto feita pela Agência Senado, visite:
http://www.senado.gov.br/noticias/movimento-de-mulheres-critica-projetos-de-lei-contrarios-a-interesses-femininos.aspx

Para entender os desafios relacionados à defesa da vida no Brasil recomendamos também:
http://www.votopelavida.com/defesavidabrasil.pdf

Veja tambem  Rezar confiando em Deus e oferecendo as fadigas e os sacrifícios da vida, exorta o Papa



Comentários no Facebook:

comments

Anteriores

Prefeito do Rio acredita que a JMJ 2013 reunirá a mais gente que a Copa do mundo de Futebol

Próximo

São Pedro foi “apenas” um Presbítero e não o Primeiro papa?

8 Comentários

  1. DESDE QUE EM ALGUMS PAÍSES LEGALIZARAM O CASAMENTO HOMOAFETIVO FICOU CADA VEZ MAIS DIFÍCIL LUTAR PELO O QUE É CERTO OU PELO QUE ACREDITAMOS SER CERTO. EM UM MUNDO TÃO CHEIO DE LEÍS QUE DÃO MAIS RAZÃO AO QUE É ERRADO. NÃO TEEM MAIS VALOR PARA MUITOS A FAMÍLIA,HOMEM É MULHER ,ALGUMS ESTÃO MAIS PREOCUPADOS COM OK A TELEVISÃO QUER MOSTRAR. FILHOS REGEITADOS POR NÃO TEREM CIDOS DESEJADOS E, HOMENS COM HOMEMS,MULHERES COM MULHERES ,ETC.ONDE FICA A FAMILIA!HOMEM,MULHER,E FILHOS,…FILHOS TEM QUE SER DESEJADOS PARA SEREM AMADOS E TEREM BOM CARÁTER DE SER UM BOM SER HUMANO.

  2. SOU CRISTÃ E ACREDITO NA VIDA.AOS QUE APOIAM O ABORTO CREIO EU QUE NÃO SE IMPORTARIAM SE SUA MÃE TIVESSE O ABORTADO OU SE SUA AVÓ TIVESSE FEITO TAL FATO NA GRAVIDEZ DE SEU PAI OU MÃE,POIS ASSIM HJ VC NÃO TARIA APOIANDO ATO TÃO CRUEL.

    PENSE SE LUGAR DE UM FETO QUALQUER NÃO VC?

  3. Espero que agora a cnbb, sai em luta dos pobres inocentes não nascidos , e não ficar atras de proteger o planeta que ja esta devastado pelo pecado dos homens, a ganancia dos homens, o poder de querer sempre mais foi que levou o planeta no estado que está…

    Tem sim que lutar pela vida dos inocentes, tem sim que lutar pelas almas, pois é isso que Deus quer, que esqueçam por algum tempo a ecologia e cuide da ecologia humana que esta morrendo ainda mesmo sem ter nascido.

    Não espera senhores cnbb que um pastor evangelico tome a frente disso, caminhem vocês também , não vamos ficar parados diante desta maldade,pois os sangue dos inocentes clamam ao céus, e Deus já não suporta mais tantas injustiça, e aguardem q justiça de Deus cairá e não demora!

  4. Maria Eunice Malheir

    tantas coisas para serem resolvidas, como saude, habitação, violencia e estes senadores estão preocupados em legalizr o aborto ´so por Deus

  5. EUNICE CRUZ

    MDV denuncia: Senado brasileiro recebe proposta de legalização do aborto. Belo Horizonte 27 de agosto|11

  6. o aborto é a continuidade dos tempos de Herodes quando o mesmo mandou matar as crianças no tempo de jesus! os governos apenas estão dando continuidade a matança dos inocentes! só que agora esta matança está camuflada sob a forma do aborto! porem se você for inteligente entenderá com facilidade a jogada dos filhos do diabo que são os governos e seus seguidores! passe isso adiante!

  7. euzani pereira da si

    A ignorância do ser humano é tanta que aprova uma lei para matar o seu semelhante ,privar o direito a vida,que é um direito de todo ser vivente.A vida é um dom do criador que AMA suas criaturas ,que a fez com tanto AMOR e cada um com sua individualidade,com seu jeito de ser.Somos ser único, ninguém no mundo é igual e tudo tem a mão de DEUS ,tudo é de DEUS e com sua permissão que viemos para este planeta terra, viver e buscar a evolução,junto com os irmão em JESUS CRISTO. Ao falar tanto da PAZ e aprova o aborto é um tanto hipócrita,diante das pessoas que busca somente o seu bel prazer, não se importando nada com com a vida humana,com a beleza que DEUS nos da na forma de uma criança que é tão pura e precisa de um adulto para proteger.Que PAZ é essa que estamos buscando para nossas vidas diante de fatos que estão aos nossos olhos ,que reflete em todo comportamento do individuo e da sociedade que esta inserido. Que PAZ é essa?Que falamos tanto.Que PAZ é essa?

    EUZANI SILVEIRA

  8. elio carrara

    A proposito das tais senadoras favoráveis a legalização do aborto sugiro que estas "senhoras" vejam e ouçam um ultrason realizado neste periodo, que as tais dizem que não a vida. Se depois disto não se sentirem sensibilizadas, só o que temos q fazer é pedir perdão p/ suas almas podres. Pobres "mulheres". Será que não ha nada mais importante para propor em seus projetos?

    Deus tenha piedade destas criaturas.

Deixe uma resposta

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén