1. Cântico das peregrinações. Na hora da tribulação, clamei ao Senhor e ele me atendeu.

2. Senhor, livrai minha alma dos lábios mentirosos e da língua pérfida.

3. Que ganharás, qual será teu proveito, ó língua pérfida?

4. Flechas agudas de guerreiro, carvões ardentes de giesta.

5. Ai de mim por habitar em Mesec e viver em meio às tendas de Cedar!

6. Por muito tempo minha alma tem vivido com aqueles que detestam a paz.

7. Só quero a paz, mas quando dela lhes falo, eles se dispõem para a guerra.

Bíblia Ave Maria - Todos os direitos reservados.




Livros sugeridos



“Não queremos aceitar o fato de que o sofrimento é necessário para nossa alma e de que a cruz deve ser o nosso pão cotidiano. Assim como o corpo precisa ser nutrido, também a alma precisa da cruz, dia a dia, para purificá-la e desapegá-la das coisas terrenas. Não queremos entender que Deus não quer e não pode salvar-nos nem santificar-nos sem a cruz. Quanto mais Ele chama uma alma a Si, mais a santifica por meio da cruz.” São Padre Pio de Pietrelcina