1. Os sacerdotes e os Levitas, e todos os que são da mesma tribo, não terão parte nem herança com o resto de Israel, porque se alimentarão dos sacrifícios do Senhor e das ofertas que lhe forem feitas:

2. não receberão nenhuma herança com seus irmãos, porque o mesmo Senhor é a sua herança, como ele lhes disse:

3. Este será o direito dos sacerdotes sobre o povo, e sobre os que oferecerem vítimas: Se sacrificarem um boi ou uma ovelha, darão ao sacerdote a espádua e o peito,

4. as primícias do pão, do vinho e do azeite, e uma parte das lãs da tosquia das ovelhas.

5. Com efeito, o Senhor teu Deus escolheu-o dentre todas as tuas tribos, para que assista e sirva ao nome do Senhor, ele e seus filhos para sempre.

6. Se um Levita sair duma das tuas cidades, de qualquer parte (do território) de Israel, onde ele habita, e quiser por devoção ir ao lugar que o Senhor tiver escolhido,

7. exercerá o seu ministério em nome do Senhor seu Deus, como todos os Levitas seus irmãos, que nesse tempo assistirem diante do Senhor.

8. Receberá a mesma porção de alimentos que os outros, independentemente do produto dos seus bens patrimonais.

9. Quando tiveres entrado na terra que o Senhor teu Deus te der, guarda-te de querer imitar as abominações daquelas gentes.

10. Não se ache entre vós quem purifique seu filho ou sua filha, fazendo-os passar pelo fogo, nem quem consulte adivinhos ou observe sonhos e agouros, nem quem use maIefícios,

11. nem quem seja encantador, nem quem consulte espíritos ou adivinhos, ou indague dos mortos a verdade.

12. O Senhor abomina todas estas coisas, e por tais maldades exterminará estes povos à tua entrada.

13. Serás perfeito e sem mancha diante do Senhor teu Deus.

14. Estes povos, cujo país tu possuirás, ouvem os agouteiros e os adivinhos; tu, porém, foste instruído doutro modo pelo Senhor teu Deus.

15. O Senhor teu Deus te suscitará um PROFETA, como eu, da tua nação, e dentre teus irmãos: ouvi-lo-ás

16. como o pediste ao Senhor teu Deus em Horeb, quando todo o povo estava junto, e disseste: Não ouça eu mais a voz do Senhor meu Deus, nem torne a ver mais este grandíssimo fogo, para não acontecer que morra.

17. O Senhor disse-me: Eles falavam bem em tudo.

18. Eu lhes suscitarei do meio de seus irmãos um profeta semelhante a ti, e porei na sua boca as minhas palavras, e ele lhes dirá tudo o que eu lhes mandar.

19. Mas o que não quiser ouvir as palavras que lhe disser em meu nome, pedir-lhe-ei contas disso.

20. O profeta que, corrompido pela arrogância, quiser dizer em meu nome o que eu lhe não mandei dizer, ou falar em nome dos deuses estranhos, será morto.

21. Se tu disseres no teu coração: Como posso eu conhecer a palavra que o Senhor não disse?

22. Terás este sinal: Se o que aquele profeta predisse em nome do Senhor, não sucedeu, o Senhor não disse; o profeta, por presunção do seu ânimo, o inventou; por isso, não o temerás.





“A maior alegria de um pai é que os filhos se amem, formem um só coração e uma só alma. Não fostes vós que me escolhestes, mas o pai celeste que, na minha primeira missa, me fez ver todos os filhos que me confiava”.(P.e Pio) São Padre Pio de Pietrelcina