1. Aleluia. Louvai o Senhor em seu santuário, louvai-o em seu majestoso firmamento.*

2. Louvai-o por suas obras maravilhosas, louvai-o por sua majestade infinita.

3. Louvai-o ao som da trombeta, louvai-o com a lira e a cítara.

4. Louvai-o com tímpanos e danças, louvai-o com a harpa e a flauta.

5. Louvai-o com címbalos sonoros, louvai-o com címbalos retumbantes. Tudo o que respira louve o Senhor!

Bíblia Ave Maria - Minden jog fenntartva.

150,1. Doxologia final do quinto Livro dos Salmos. É mais extensa do que as outras, pelo fato de que esta serve também de conclusão a todo o saltério. Os louvores – em outras palavras, os “salmos” – terminam, pois, com o terceiro Halel e com uma expressão de liturgia cósmica: exaltação dos cantos e da música, ação de graças pelo triunfo messiânico, que há de chegar, mas já começou.





“Quanto maiores forem os dons, maior deve ser sua humildade, lembrando de que tudo lhe foi dado como empréstimo.” São Padre Pio de Pietrelcina