1. Beseleel fez a arca de madeira de acácia; seu comprimento era de dois côvados e meio, sua largura de um côvado e meio, e sua altura de um côvado e meio.

2. Cobriu-a de ouro puro por dentro e fez-lhe por fora, ao redor, uma bordadura de ouro.

3. Fundiu para ela quatro argolas de ouro e pô-las nos seus quatro pés, duas de um lado e duas de outro.

4. Fez varais de madeira de acácia, revestidos de ouro,

5. que passou nas argolas colocadas dos lados da arca, para poder transportá-la.

6. Fez uma tampa de ouro puro, cujo comprimento era de dois côvados e meio, e a largura de um côvado e meio.

7. Fez dois querubins de ouro, feitos de ouro batido, nas duas extremidades da tampa,

8. um de um lado, outro de outro, de maneira que faziam corpo com as duas extremidades da tampa.

9. Esses querubins, com as faces voltadas um para o outro, tinham as asas estendidas para o alto, e protegiam com elas a tampa para a qual tinham as faces inclinadas.

10. Fez a mesa de madeira de acácia; seu comprimento era de dois côvados, sua largura de um côvado e sua altura de um côvado e meio.

11. Recobriu-a de ouro puro e fez ao seu redor uma bordadura de ouro.

12. Cercou-a de uma orla de um palmo de largura, com uma bordadura de ouro corrente em toda a volta.

13. Fundiu para a mesa quatro argolas de ouro, que fixou aos quatro ângulos de seus pés.

14. Essas argolas, colocadas à altura da orla, eram destinadas a receber os varais que serviriam ao transporte da mesa.

15. Fez varais de madeira de acácia revestidos de ouro, para servir ao transporte da mesa.

16. Fez de ouro puro os utensílios que deviam ser colocados sobre a mesa: os vasos, as xícaras, os copos e as taças necessárias às libações.

17. Fez o candelabro de ouro puro, de ouro batido, com seu pé e sua haste: seus cálices, seus botões e suas flores formavam um todo com ele.

18. Seis braços saam de seus lados, três de um lado e três de outro.

19. Em um braço havia três cálices em forma de flor de amendoeira, com um botão e uma flor; na segunda haste havia três cálices, em forma de flor de amendoeira, com um botão e uma flor, e assim por diante para os seis braços que saíam do candelabro.

20. No próprio candelabro havia quatro cálices em forma de flor de amendoeira, com seus botões e suas flores:

21. um botão sob os dois primeiros braços que saíam do candelabro, um botão sob os dois braços seguintes, e um botão sob os dois últimos; e assim era com os seis braços que saíam do candelabro.

22. Esses botões e esses braços faziam corpo com o candelabro, formando o todo uma só peça de ouro puro batido.

23. Fez sete lâmpadas de ouro puro; e fez de ouro puro as suas espevitadeiras e os seus cinzeiros.

24. Empregou um talento de ouro puro na confecção do candelabro e seus acessórios.

25. Fez o altar dos perfumes de madeira de acácia. Seu comprimento foi de um côvado, e sua largura de um côvado; era quadrado e tinha dois côvados de altura; seus cornos faziam corpo com ele.

26. Cobriu de ouro puro a sua parte superior, os seus lados ao redor e os seus cornos; e pôs uma bordadura de ouro ao redor.

27. Fez para ele duas argolas de ouro, que foram colocadas abaixo da bordadura, dos dois lados, e serviriam para receber os dois varais destinados ao seu transporte.

28. Fez varais de madeira de acácia, revestidos de ouro,

29. e fez também o óleo para a unção santa e o perfume aromático, composto segundo a arte do perfumista.

Bíblia Ave Maria - Todos os direitos reservados.



Livros sugeridos


“Não nos preocupemos quando Deus põe à prova a nossa fidelidade. Confiemo-nos à Sua vontade; é o que podemos fazer. Deus nos libertará, consolará e enorajará.” São Padre Pio de Pietrelcina

Newsletter

Receba as novidades, artigos e noticias deste portal.