1. Naqueles dias não havia rei em Israel, e a tribo de Dan buscava uma possessão para habitar nela, porque até então não tinha recebido a sua sorte entre as outras tribos.

2. Os filhos de Dan enviaram de Saraa e de Estaol cinco homens fortíssimos da sua família, para explorarem e reconhecerem cuidadosamente o país, e disseram-lhes: Ide e examinai o país. Postos a caminho, chegaram ao monte Efraim, e entraram em casa de Micas, e nela descansaram.

3. Perto da casa de Micas, reconheceram a voz do jovem Levita e, aproximando-se dele, disseram-lhe: Quem te trouxe aqui? que fazes aqui? por que causa quiseste vir a este lugar?

4. Ele respondeu-lhes: Micas fez-me isto e isto, e assalariou-me para ser seu sacerdote.

5. Eles pediram-lhe que consultasse o Senhor, para poderem saber se a sua jornada seria feliz, se a sua empresa se efectuaria.

6. Ele respondeu-lhes: Ide em paz: o Senhor olha (benignamente) a vossa jornada e o caminho que levais.

7. Partindo pois aqueles cinco homens, foram à (cidade e em de) Lais e viram que o povo habitava nela sem nenhum temor, como era costume entre os Sidónios, seguro e tranquilo, não havendo quem lhe fizesse oposição, que era muito rico, distante de Sidónia e separado de todos os outros homens.

8. Voltando para seus irmãos em Saraa e Estaol, e, perguntando-lhes estes o que tinham feito, responderam-Ihes:

9. Levantai-vos, vamos a eles, porque nós vimos que é um país muito rico e fértil; não sejais descuidados, não vos detenhais; vamos e ocupêmo-lo, quo não vos custará trabalho algum.

10. Entraremos num povo, que vive em segurança num país muito espaçoso, e o Senhor nos dará um lugar onde não falta nada daquelas coisas que são produzidas na terra.

11. Partiram pois da família de Dan, isto é, de Saara e de Estaol, seiscentos homens, munidos com armas de guerra,

12. e, marchando, acamparam em Cariatiarim de Judá; aquele lugar desde então recebeu o nome de Campo de Dan, a ocidente de Cariatiarim.

13. Dali passaram ao monte Efraim. Tendo chegado a casa de Micas,

14. os cinco homens, que primeiro tinham sido enviados a reconhecer o país de Lais, disseram aos outros seus irmãos: Vós sabeis que nesta casa há um éfode e uns terafins, uma imagem esculpida e outra fundida; vêde o que quereis fazer.

15. Passaram um pouco adiante e, entrando na casa do jovem Levita, que estava em casa de Micas, saudaram-no com palavras de paz.

16. Entretanto os seiscentos homens, armados como estavam, ficaram à porta.

17. Os que tinham entrado na casa do jovem, procuravam tomar a escultura, o éfode, os terafins e a imagem de fundição. O sacerdote estava à porta, e os seiscentos homens valorosos estavam esperando a pouca distância.

18. Os que tinham entrado, tomaram a escultura, o éfode, os ídolos e a imagem de fundição. O sacerdote disse-lhes: Que fazeis vós?

19. Eles responderam-lhe: Cala-te, põe mão sobre a tua boca, e vem connosco, para que nos sirvas de pai e de sacerdote. Qual é melhor para ti, ser sacerdote na casa dum só homem, ou numa tribo e numa família de Israel?

20. Ele, tendo ouvido isto, cedeu às suas palavras, tomou o éfode, os ídolos e a escultura, e foi com eles.

21. Indo eles no caminho, e, tendo feito ir adiante de si os meninos, o gado e tudo o que era precioso,

22. estando já longe da casa de Micas, os homens, que habitavam em casa de Micas, seguiram-nos com grande barulho,

23. e começaram a gritar atrás deles. Eles, voltando-se para trás, disseram a Micas: Que queres tu? por que gritas?

24. Ele respondeu: Vós levastes os meus deuses, que eu tinha feito para mim, o sacerdote e tudo o que tenho, e dizeis; O que é que tens?

25. E os filhos de Dan disseram-lhe: Guarda-te de nos falar mais nisto, não suceda que se lancem sobre ti homens cheios de indignação, e pereças com toda a tua casa.

26. Deste modo continuaram o caminho começado. Micas, vendo que aqueles homens eram mais fortes do que ele, voltou para sua casa.

27. Os seiscentos homens levaram o sacerdote e tudo o que acima dissemos. Chegaram a Lais, a um povo tranquilo o seguro, passaram-no ao fio da espada e puseram fogo à cidade,

28. sem que alguém os socorresse, por habitarem longe de Sidónia e por não terem sociedade nem comércio com outros homens. Esta cidade estava situada no país de Roob. Reedificando-a, povoaram-na,

29. chamando cidade de Dan, do nome de seu pai, que tinha nascido de Israel, aquela que antes se chamava Lais.

30. E erigiram para si a imagem de escultura. Jonatan, filho de Gersam, filho de Moisés, e seus filhos foram sacerdotes na tribo de Dan, até ao dia do seu cativeiro.

31. O ídolo de Micas ficou entre eles, durante todo o tempo que a casa de Deus esteve em Silo. Naqueles dias não havia rei em Israel (para pôr termo a estas desordens).





“Nas tribulações é necessário ter fé em Deus.” São Padre Pio de Pietrelcina