pronađen 703 Rezultati za: mulher

  • E disseram-lhe: “Onde está Sara, tua mulher?”. “Ela está na tenda” – respondeu ele. (Gênesis 18, 9)

  • E ele disse-lhe: “Voltarei à tua casa dentro de um ano, a esta época; e Sara, tua mulher, terá um filho”. Ora, Sara ouvia por detrás, à entrada da tenda.* (Gênesis 18, 10)

  • Ao amanhe­cer, os anjos instavam com Ló, dizendo: “Levanta-te, toma tua mulher e tuas duas filhas que estão em tua casa, para que não pereças também no castigo da cidade”. (Gênesis 19, 15)

  • E, como ele demorasse, aqueles homens tomaram pela mão a ele, a sua mulher e as suas duas filhas, porque o Senhor queria salvá-los, e o levaram para fora da cidade. (Gênesis 19, 16)

  • A mulher de Ló, tendo olhado para trás, transformou-se numa estátua de sal. (Gênesis 19, 26)

  • Ele dizia de Sara, sua mulher, que ela era sua irmã. Abimelec, rei de Gera­ra, arrebatou-lha. (Gênesis 20, 2)

  • Mas Deus apareceu em sonhos a Abimelec e disse-lhe: ‘‘Vais morrer, por causa da mulher que roubaste, porque é casada”. (Gênesis 20, 3)

  • Devolve agora a mulher deste homem, que é profeta, e ele rogará por ti para que conserves a vida. Mas, se não a devolveres, sabes que morrerás seguramente, tu e todos os teus’’. (Gênesis 20, 7)

  • Abraão respondeu: ‘‘Eu pensava que não havia certamente nenhum temor a Deus nesta terra, e que me matariam por causa de minha mulher. (Gênesis 20, 11)

  • Aliás, ela é realmente minha irmã, filha de meu pai, mas não de minha mãe; ela tornou-se minha mulher.* (Gênesis 20, 12)

  • Tomou então Abimelec ovelhas, bois, servos e servas, e deu-os a Abraão, ao mesmo tempo que lhe devolvia Sara, sua mulher. (Gênesis 20, 14)

  • Abraão intercedeu junto de Deus, que curou Abimelec, sua mulher e suas servas, e deram novamente à luz. (Gênesis 20, 17)


“A pessoa que nunca medita é como alguém que nunca se olha no espelho e, assim, não se cuida e sai desarrumada. A pessoa que medita e dirige seus pensamentos a Deus, que é o espelho de sua alma, procura conhecer seus defeitos, tenta corrigi-los, modera seus impulsos e põe em ordem sua consciência.” São Padre Pio de Pietrelcina