1. Pedi ao Senhor chuvas serôdias, e o Senhor fará brilhar o relâmpago, dar-vos-á chuvas em abundância, a cada um erva no campo.

2. (Como já vistes) os terafins deram respostas vãs,os adivinhos tiveram visões mentirosas; os sonhos apresentados são vãos, as consolações são consolações falsas; por isso (os vossos crédulos pais) foram levados como um rebanho, foram afligidos, porque não tinham pastor.

3. O meu furor acende-se contra os pastores, castigarei os bodes. Sim, o Senhor dos exércitos terá cuidado do seu rebanho, da casa de Judá, e fará dela como que o seu cavalo de glória na guerra. (ver nota)

4. De Judá sairá o ângulo, dele a estaca, dele o arco de guerra, dele todos os chefes.

5. Serão como heróis que, nas refregas, pisarão aos pés o inimigo, como a lama das ruas; pelejarão valorosamente, porque o Senhor está com eles; e por eles serão confundidos os cavaleiros (dos seus adversários).

6. Fortalecerei a casa de Judá, salvarei a casa de José; restabelecê-los-ei porque me compadecerei deles; serão como se os não tivesse rejeitado, porque eu sou o Senhor seu Deus: ouvi-los-ei.

7. (Os de) Efraim serão como heróis, e o seu coração se alegrará como (com) o vinho; os seus filhos os verão e se alegrarão, e o seu coração exultará no Senhor.

8. Eu lhes assobiarei e os congregarei, porque os resgatei; multiplicá-los-ei, como antes se tinham multiplicado.

9. Semeá-los-ei por entre os povos, e eles de longe de recordarão de mim; instruirão seus filhos, e tomarão a vir.

10. Reconduzi-los-ei da terra do Egipto, congregá-los-ei da Assíria, introduzi-los-ei na terra de Galaad e no Líbano, e não se achará lá lugar (bastante) para eles (por serem numerosos).

11. Israel passará o mar, do Egipto, (o Senhor) ferirá as ondas do mar, todas as profundidades do Nilo ficarão descobertas. A soberba de Assur será humilhada, e o ceptro do Egipto será tirado.





“Deus é servido apenas quando é servido de acordo com a Sua vontade.” São Padre Pio de Pietrelcina