1. Quanto a mim. Irmãos, não vos pude falar como a espirituais, mas como a carnais, como a pequeninos em Cristo.

2. Nutri-vos com leite, não com alimento sólido, porque não podíeis (digeri-lo) e nem ainda agora podeis, porque sois ainda carnais. (ver nota)

3. Porquanto, havendo entre vós rivalidades e contendas, não é porque sois carnais e andais segundo o homem?

4. Quando um diz: "Eu sou de Paulo!" e outro: "Eu sou de Apolo!" não (se está vendo nisto que) sois homens (carnais)? Que é, pois, Apolo? E que é Paulo?

5. Ministros daquele, em quem vós crestes, e segundo o que o Senhor deu a cada um.

6. Eu plantei. Apolo regou, mas Deus é que deu o crescimento.

7. De modo que não é nada nem o que planta, nem o que rega, mas Deus, que dá o crescimento. (ver nota)

8. Uma mesma coisa é o que planta e o que rega; cada um receberá a sua recompensa segundo o seu trabalho.

9. Efetivamente, somos cooperadores de Deus. Vós sois cultura de Deus, sois edifício de Deus.

10. Segundo a graça de Deus que me foi dada, lancei (entre vós) o fundamento (da fé), como sábio arquiteto, mas outro edifica sobre ele. Veja cada um como edifica sobre ele.

11. Porque ninguém pode pôr outro fundamento, senão o que foi posto, isto é, Jesus Cristo.

12. Se alguém edifica sobre este fundamento com ouro, prata, pedras preciosas, madeira, feno, palha, (ver nota)

13. manifestada será a obra de cada um, pois o dia do Senhor a fará conhecer, visto que será revelado no fogo, e o fogo provará qual seja a obra de cada um.

14. Se subsistir a obra do que a sobreedificou, receberá prêmio. (ver nota)

15. Se a obra de algum arder, ele sofrerá o prejuízo, mas será salvo, apesar disso, como por meio do fogo.

16. Não sabeis que sois templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós?

17. Se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá. Com efeito, é santo o templo de Deus, que vós sois.

18. Ninguém se iluda! Se algum dentre vós se tem por sábio, segundo este mundo, faça-se insensato para ser sábio.

19. Porque a sabedoria deste mundo é loucura diante de Deus, pois está escrito: Eu apanharei os sábios na sua própria astúcia (Job. 5, 13).

20. E outra vez: O Senhor conhece os pensamentos dos sábios; conhece que são vãos (Ps. 93, 11).

21. Portanto ninguém se glorie entre os homens.

22. Porque todas as coisas são vossas, ou seja Paulo, ou seja Apolo, ou seja Cefas, ou seja o mundo, ou seja a vida ou seja a morte, ou sejam as coisas presentes, ou sejam as futuras; tudo é vosso, (ver nota)

23. mas vós (sois) de Cristo, e Cristo de Deus.





“Como é belo esperar!” São Padre Pio de Pietrelcina