Encontrados 951 resultados para: cidade

  • Porque um fogo saiu de Hesebon, uma chama, da cidade de Seon, e devorou Ar-Moab e os Baal das alturas do Arnon. (Números 21, 28)

  • Quando Balac soube de sua chegada, subiu-lhe ao encontro até a cidade de Moab, na fronteira do Arnon, na extremidade daquela terra, (Números 22, 36)

  • De Jacó virá um dominador que há de exterminar os sobreviventes da cidade.”* (Números 24, 19)

  • O território circunvi­zinho das cidades que dareis aos levitas terá mil côvados de extensão em todos os sentidos, a partir do muro da cidade. (Números 35, 4)

  • Medireis, pois, fora da cidade, dois mil côvados para o oriente, dois mil côvados para o sul, dois mil cô­vados para o ocidente e dois mil côvados para o norte, ficando a cidade no centro. Tais serão os territórios das cidades. (Números 35, 5)

  • A assembleia livrará o homicida da mão do vingador de sangue e o recon­duzirá à cidade de refúgio onde se tinha abrigado. Permanecerá ali até a morte do sumo sacerdote que foi ungido com o santo óleo. (Números 35, 25)

  • Mas, se o homicida se encontra fora dos limites da cidade de refúgio, para onde se tinha retirado, (Números 35, 26)

  • Tampouco aceitareis resgate pelo refugiado em uma cidade de refúgio, de maneira que ele volte a habitar na sua terra antes da morte do sumo sacerdote. (Números 35, 32)

  • Desde Aroer, que está à margem da torrente do Arnon, e a cidade situada no vale, até Galaad, não houve lugar tão forte que nos pudesse resistir. O Senhor, nosso Deus, tudo nos entregou. (Deuteronômio 2, 36)

  • porque Og, rei de Basã, era o único que restava da raça dos refaim. Vê-se ainda o seu sarcófago, um sarcófago de basalto, em Rabá, cidade dos amonitas. Tem nove côvados de comprimento e quatro de largura, em côvados ordinários. (Deuteronômio 3, 11)

  • Se quiseres, entretanto, poderás comer carne, matar do teu rebanho, em qualquer cidade onde habitares, segundo as bênçãos que o Senhor, teu Deus, te der; tanto pode comê-la o homem impuro como o puro, como se come a gazela e o veado.* (Deuteronômio 12, 15)

  • alguns malvados saíram do meio de vós e seduziram os habitantes de sua cidade, dizendo: ‘Vamos servir a outros deuses’ – deuses que vós não conheceis –, (Deuteronômio 13, 14)


“Tenhamos sempre horror ao pecado mortal e nunca deixemos de caminhar na estrada da santa eternidade.” São Padre Pio de Pietrelcina