Encontrados 24 resultados para: Noêmi

  • Chamava-se Elimelec e sua mulher Noemi; seus dois filhos chamavam-se Maalon e Quelion; eram efra­teus de Belém de Judá. Chegados à terra de Moab, estabeleceram-se ali. (Rute 1, 2)




  • Elimelec, marido de Noemi, morreu, deixando-a com seus dois filhos. (Rute 1, 3)

  • Maalon e Quelion morreram ficando Noemi só, sem seus dois filhos e sem seu marido. (Rute 1, 5)

  • Então, levantou-se Noemi e partiu da região de Moab com suas duas noras, porque ouviu dizer que o Senhor tinha visitado o seu povo e lhe tinha dado pão. (Rute 1, 6)

  • “Ide, minhas filhas – replicou Noemi –. Por que haveis de vir comigo? Porventura, tenho eu ainda em meu seio filhos que possam tornar-se vossos maridos? (Rute 1, 11)

  • “Eis que tua cunhada voltou para o seu povo e para os seus deuses – disse-lhe Noemi –. “Vai com ela!” (Rute 1, 15)

  • Ante tal resolução, Noemi não insistiu mais. (Rute 1, 18)




  • “Não me chameis mais Noemi – replicou ela –, mas chamai-me Mara, porque o Todo-poderoso me encheu de amargura. (Rute 1, 20)

  • Parti com as mãos cheias e o Senhor fez-me voltar com as mãos vazias. Por que me chamais Noemi, se o Senhor se declarou contra mim e o Onipotente me inundou de aflição?”. (Rute 1, 21)

  • Foi assim que voltaram dos campos de Moab, Noemi e sua nora Rute, a moabita. Chegaram a Belém, quando começava a colheita da cevada. (Rute 1, 22)

  • Noemi tinha um parente, por parte de seu marido, homem poderoso e rico da família de Elimelec, chamado Booz. (Rute 2, 1)

  • Rute, a moabita, disse a Noemi: “Pe­ço-te que me deixes ir respigar nos campos de quem me quiser acolher favoravelmente”. “Vai, minha filha” – respondeu-lhe ela. (Rute 2, 2)




“A maior alegria de um pai é que os filhos se amem, formem um só coração e uma só alma. Não fostes vós que me escolhestes, mas o pai celeste que, na minha primeira missa, me fez ver todos os filhos que me confiava”.(P.e Pio) São Padre Pio de Pietrelcina