Talált 1469 Eredmények: templo de Jerusalém

  • O andar inferior tinha cinco côvados de largura, o do meio seis e o terceiro sete, porque se tinham posto encostas nos muros exteriores do templo para evitar que as vigas entrassem nas paredes do edifício. (I Reis 6, 6)

  • Na construção do templo só se empregaram pedras lavradas na pedreira, de sorte que não se ouvia, durante os trabalhos da construção, barulho algum de martelo, de cinzel ou de qualquer outro instrumento de ferro. (I Reis 6, 7)

  • Os andares que construiu encostados em todo o edifício eram de cinco côvados de altura cada um e foram ligados ao templo por traves de cedro. (I Reis 6, 10)

  • Salomão terminou a construção do templo. (I Reis 6, 14)

  • Revestiu de tábuas de cedro, a partir do fundo do templo, desde o pavimento até o teto, um espaço de vinte côvados, que destinou ao santuário, ou Santo dos Santos. (I Reis 6, 16)

  • Os quarenta côvados restantes constituíam a parte anterior do templo. (I Reis 6, 17)

  • Salomão dispôs o santuário no interior do templo, bem ao fundo, para ali colocar a arca da aliança do Senhor. (I Reis 6, 19)

  • Salomão os colocou no fundo do templo, no santuário. Tinham as asas estendidas, de sorte que uma asa do primeiro tocava uma das paredes e uma asa do segundo tocava a outra parede, en­quanto as outras duas asas se encontravam no meio do santuário. (I Reis 6, 27)

  • Mandou esculpir em relevo em todas as paredes da casa, ao redor, no santuário como no templo, querubins, palmas e flores abertas. (I Reis 6, 29)

  • Cobriu de ouro o pavimento do edifício, tanto o do santuário como o do templo. (I Reis 6, 30)

  • Para a porta do templo fez vigas de pau de oliveira que ocupavam a quarta parte da parede, (I Reis 6, 33)

  • No mês de Ziv do quarto ano de reinado, foram lançados os fundamentos do templo do Senhor (I Reis 6, 37)


“Enquanto tiver medo de ser infiel a Deus, você não será’. Deve-se ter medo quando o medo acaba!” São Padre Pio de Pietrelcina