Löydetty 80 Tulokset: guerreiros

  • O sacerdote Eleazar disse então aos guerreiros que tinham combatido: “Eis o preceito da lei que o Senhor impôs a Moi­sés: (Números 31, 21)

  • Restava a metade destinada aos filhos de Israel, que Moisés havia separado da dos guerreiros. (Números 31, 42)

  • aproximaram-se então de Moisés e disseram-lhe: “Teus servos fizeram a conta dos guerreiros que estiveram sob o nosso comando: não falta nem um sequer. (Números 31, 49)

  • O Senhor disse a Josué: “Vê, entreguei-te Jericó, seu rei e seus valentes guerreiros. (Josué 6, 2)

  • E disse em seguida ao povo: “Avante! Dai volta à cidade, marchando os guerreiros diante da arca do Senhor”. (Josué 6, 7)

  • Marcharam os guerreiros diante dos sacerdotes que tocavam a trombeta, e a retaguarda seguia a arca; e durante toda a marcha ouvia-se o retinir das trombetas. (Josué 6, 9)

  • Os sete sacerdotes, levando as sete trombetas retumbantes, marchavam diante da arca do Senhor, tocando a trombeta durante a marcha. Os guerreiros precediam-nos, e a retaguarda seguia a arca do Senhor. E ouvia-se o retinir da trombeta durante a marcha. (Josué 6, 13)

  • O Senhor disse em seguida a Josué: “Não temas, nem seja covarde. Toma contigo todos os guerreiros e sobe contra Hai. Eis que te entrego o rei de Hai, seu povo, sua cidade e sua terra. (Josué 8, 1)

  • Josué pôs-se a caminho com todos os guerreiros contra Hai. Escolheu trinta mil homens valentes e fê-los partir durante a noite. (Josué 8, 3)

  • Todos os guerreiros de que dispunha tinham também subido às proximidades. Chegados defronte da cidade, acamparam ao norte, tendo o vale entre eles e Hai. (Josué 8, 11)

  • Josué subiu de Gálgala com todos os seus guerreiros e todos os seus valentes. (Josué 10, 7)

  • Quando foram conduzidos a Josué, ele chamou todos os homens de Israel e disse aos chefes dos guerreiros que o tinham acompanhado: “Aproximai-vos e ponde o pé sobre o pescoço destes reis”. Tendo-se eles aproximado e posto o pé sobre o pescoço deles, (Josué 10, 24)


“Como é belo esperar!” São Padre Pio de Pietrelcina