Löydetty 217 Tulokset: céus

  • Depois disseram: “Vamos, façamos para nós uma cidade e uma torre cujo cimo atinja os céus. Tornemos assim célebre o nosso nome, para que não sejamos dispersos pela face de toda a terra”. (Gênesis 11, 4)




  • Não farás para ti escultura, nem figura alguma do que está em cima, nos céus, ou embaixo, sobre a terra, ou nas águas, debaixo da terra.* (Êxodo 20, 4)

  • ‘Senhor Javé, começastes a mostrar ao vosso servo vossa grandeza e o poder de vossa mão. Qual é, nos céus ou na terra, o deus que pode igualar-se a vós em obras e grandes feitos? (Deuteronômio 3, 24)

  • representação de algum animal que vive na terra ou de um pássaro que voa nos céus, (Deuteronômio 4, 17)

  • Quando levantares os olhos para o céu, e vires o sol, a lua, as estrelas e todo o exército dos céus, guarda-te de te prostrar diante deles e de render um culto a esses astros, que o Senhor, teu Deus, deu como partilha a todos os povos que vivem debaixo do céu. (Deuteronômio 4, 19)

  • Investiga os tempos que te precederam, desde o dia em que Deus criou o ho­mem na terra. Pergunta se houve jamais, de uma extremidade dos céus à outra, uma coisa tão extraordinária como esta, e se jamais se ouviu coisa semelhante. (Deuteronômio 4, 32)

  • Vê, ao Senhor, teu Deus, pertencem o céu e o céu dos céus, a terra e tudo o que nela se encontra. (Deuteronômio 10, 14)




  • indo servir outros deuses ou adorando o sol, a lua, ou o exército dos céus – o que eu não mandei – se te derem aviso disso, logo que o souberes, farás uma investigação minuciosa. (Deuteronômio 17, 3)

  • Quando, pois, o Senhor, teu Deus, te tiver dado segurança na terra que te dá como herança, e te tiver livrado dos inimigos que te cercam, apagarás de debaixo dos céus a memória de Amalec. Não o esqueças.” (Deuteronômio 25, 19)

  • Olhai de vossa santa morada, do alto dos céus, e abençoai vosso povo de Israel, e a terra que nos destes, como jurastes a nossos pais, terra que mana leite e mel’.” (Deuteronômio 26, 15)

  • O Senhor não o perdoa­ria, mas sua cólera e sua indignação se inflamariam contra ele; todas as maldições contidas neste livro viriam sobre ele, e o Senhor apagaria o seu nome de debaixo dos céus.* (Deuteronômio 29, 19)

  • Ainda que os teus exilados se encontrassem na extremidade dos céus, dali te tiraria o Senhor, teu Deus, e ali mesmo iria ele buscar-te. (Deuteronômio 30, 4)




“Que Maria sempre enfeite sua alma com as flores e o perfume de novas virtudes e coloque a mão materna sobre sua cabeça. Fique sempre e cada vez mais perto de nossa Mãe celeste, pois ela é o mar que deve ser atravessado para se atingir as praias do esplendor eterno no reino do amanhecer.” São Padre Pio de Pietrelcina