Encontrados 23 resultados para: respondi

  • Um anjo de Deus disse-me em sonhos: ‘Jacó! Eis-me aqui’ – respondi. (Gênesis 31, 11)




  • Eu, porém, vos respondi: ‘Não vos assusteis nem tenhais medo deles. (Deuteronômio 1, 29)

  • ‘Quem és tu?’ – disse ele –. ‘Eu sou um ama­lecita’ – respondi –. (II Samuel 1, 8)

  • Muito conturbado, respondi ao rei: “Viva o rei para sempre! Como não haveria eu de estar pesaroso, desde que a cidade onde se encontram os túmulos de meus pais está devastada e suas portas con­sumidas pelo fogo?”. (Neemias 2, 3)

  • Respondi-lhes: “O próprio Deus do céu é quem nos fará triunfar. Nós somos seus servos e vamos reconstruir. Quanto a vós, não tendes parte, nem direito, nem lembrança em Jerusalém”. (Neemias 2, 20)

  • Eu lhes respondi: “Nada existe de verdadeiro no que dizes: foste tu que inventaste tudo isso”. (Neemias 6, 8)

  • Respondi-lhe: “Como, então, um homem como eu há de fugir? Por outra parte, como pode um homem como eu entrar no templo sem perder a vida? Ali não entrarei”.* (Neemias 6, 11)




  • na tribulação gritaste para mim e te livrei; da nuvem que troveja eu respondi, junto às águas de Meriba eu te provei.* (Salmos 80, 8)

  • “Clama!” – disse uma voz, e eu respondi –: “Que clamarei?” “Toda criatura é como a erva e toda a sua glória como a flor dos campos!* (Isaías 40, 6)

  • E eu respondi: “Ah! Senhor JAVÉ, eu nem sei falar, pois que sou apenas uma criança”. (Jeremias 1, 6)

  • Nestes termos foi-me dirigida a pa-la­vra do Senhor: “Que vês, Jeremias?” – E eu respondi –: “Vejo um ramo de amendoeira.” (Jeremias 1, 11)

  • Pela segunda vez dirigiu-se a mim a palavra do Senhor, e assim falou: “Que estás vendo?”. “Vejo” – respondi – “uma caldeira fervente cujo vapor toma a direção norte-sul.” (Jeremias 1, 13)




“O demônio é forte com quem o teme, mas é fraquíssimo com quem o despreza.” São Padre Pio de Pietrelcina