As obras do amor são sempre obras de paz. Cada vez que partilhais o amor com outros, sentireis que a paz vos envolve a vós e a eles. E onde há paz, aí está Deus. É derramando a paz e a alegria nos corações que Deus toca a nossa vida e nos mostra o seu amor.

Conduzi-me, Senhor, da morte à vida
Do erro à verdade.
Levai-me do desespero à esperança,
Do temor à confiança.
Fazei-me passar do ódio ao amor,
Da guerra à paz.
Fazei que a paz encha os corações,
O nosso mundo, o nosso universo:
Paz, paz, paz.





Livros Recomendados

A Vontade de Poder (Quadrante)O Sinal do ExorcistaSanto Elias: O Doutor de Israel

Apoia-se: Seja um apoiador da Bíblia Católica Online.

Comentários no Facebook:

comments