«Com grande alegria rejubilei no Senhor e o meu coração exulta no meu Deus […], como o noivo que cinge a fronte com o diadema, como a noiva que se adorna com suas jóias» (Is 61,10). Cabeça e membros, Esposo e Esposa, Cristo e a Igreja, somos um só corpo. De hoje em diante, brilhará para sempre no Cristo Esposo a coroa do triunfo – nele, minha Cabeça, que sofreu algum tempo -, enquanto sobre mim, sua Esposa, luzirão as jóias das suas vitórias e das suas graças.

«Assim como a terra produz os seus gérmenes, e o jardim faz brotar as suas sementes, assim o Senhor Deus fará brilhar a justiça e os hinos diante de todas as nações» (Is 61,11). Ele é o Esposo e eu a Esposa; Ele é o Senhor Deus, eu a sua terra e o seu jardim; Ele é o jardineiro e eu o seu campo. Aquele que, como Criador, é meu Senhor e meu Deus, é também meu jardineiro porque Se fez homem. […] Assim como o jardineiro planta e rega, e Deus dá o incremento, assim também Aquele que é o Único plantará pela sua humanidade e regará pelo anúncio da Boa Nova, dando o incremento pela sua divindade, graças ao seu Espírito. E eu, a Igreja, farei eclodir o gérmen da justiça, da fé e do louvor a Deus, não somente diante do povo judeu, mas diante de todas as nações. Elas verão as minhas boas obras (Jo 15,1) lendo as palavras e as obras dos patriarcas e dos profetas, ouvindo a voz dos apóstolos, e acolhendo a sua luz; verão e acreditarão e glorificarão o Pai que está no Céu (Mt 5,16).





Livros Recomendados

SulcoTratado do Amor de DeusA Presença Real e os Milagres Eucarísticos

Apoia-se: Seja um apoiador da Bíblia Católica Online.

Comentários no Facebook:

comments