Os meus olhos apagaram se de tanto sofrer: todos os dias te invoco, SENHOR, estendo para ti as minhas mãos.
estendo para Vós as minhas mãos.
Fareis Vós maravilhas entre os mortos?
Irão levantar-se os defuntos para Vos louvar?
Haverá no sepulcro quem fale da vossa bondade
ou da vossa fidelidade no reino dos mortos?
Serão conhecidas nas trevas as vossas maravilhas,
na terra do esquecimento a vossa justiça?
Eu, porém, clamo por Vós, Senhor,
de manhã a minha oração sobe à vossa presença.
Porque me afastais de Vós, Senhor,
porque escondeis de mim o vosso rosto?





Livros Recomendados

A Igreja dos Apóstolos e dos Mártires (Vol. I)História da Igreja – Idade Moderna e ContemporâneaO Sacrifício da Palavra – A Liturgia da Missa Segundo Bento XVI

Apoia-se: Seja um apoiador da Bíblia Católica Online.

Comentários no Facebook:

comments