Livrai-me da armadilha que me prepararam,
porque Vós sois o meu refúgio.
Em vossas mãos entrego o meu espírito,
Senhor, Deus fiel, salvai-me.
Porque eu ouvia os gritos da multidão:
«Terror por toda a parte!»,
quando se coligaram contra mim
e decidiram tirar-me a vida.
Eu, porém, confio no Senhor:
Disse: «Vós sois o meu Deus,
nas vossas mãos está o meu destino».
Livrai-me das mãos dos meus inimigos
e de quantos me perseguem.





Livros Recomendados

O que Não me Disseram sobre a Vida a DoisFé, Oração, Ousadia.O Sacrifício da Palavra – A Liturgia da Missa Segundo Bento XVI

Apoia-se: Seja um apoiador da Bíblia Católica Online.

Comentários no Facebook:

comments