Cronologia da Era Apostólica e o Desenvolvimento do Cânon

Esta cronologia apresenta uma seqüência dos eventos bíblicos e extrabíblicos que refletiram sobre a formação do cânon da Bíblia, tanto do Antigo quanto do Novo Testamento. Afirma-se por aí que dois pesquisadores da Bíblia não conseguem concordar sobre uma cronologia apostólica… Com efeito, a cronologia que apresentamos aqui é aceitável para alguns, mas não pode ser considerada “universal”. Serve apenas para fornecer pontos de referência para os eventos que se sucederam e suas conseqüências [sobre o cânon das Escrituras].

EVENTO DATA OBRA
Pregação de João Batista 27
Vinda do Espírito Santo sobre a Igreja 30
Estêvão é martirizado por lapidação 36/37
Conversão de Paulo e sua primeira viagem missionária 45/49
Concílio [Apostólico] de Jerusalém 50
Segunda viagem missionária de Paulo 50/52
51 1ª e 2ª Epístolas aos Tessalonicenses
Terceira viagem missionária de Paulo 53/58
54-57 Epístola aos Gálatas
57 1ª e 2ª Epístolas aos Coríntios
58 Epístola aos Romanos
Viagem [de Paulo] a Roma 59/60
1ª prisão de Paulo em Roma 61-63
Epístola a Filemon
Epístola aos Colossenses
Epístola aos Efésios
Epístola aos Filipenses
Epístola de Tiago
65 Evangelho de Marcos
1ª Epístola a Timóteo
Epístola a Tito
O apóstolo Tiago é martirizado. Paulo é levado para Roma 63/64
Pedro em Roma (Pedro é o primeiro Bispo de Roma) 64 1ª Epístola de Pedro
2ª prisão de Paulo e martírio 67 2ª Epístola a Timóteo
Morte de Pedro. Lino é Bispo de Roma Epístola aos Hebreus
Destruição de Jerusalém 68-70
70s Evangelho de Mateus
Evangelho de Lucas e Atos dos Apóstolos
Anacleto é Bispo de Roma 78
70s/90s Epístola de Judas
90s Evangelho de João
1ª, 2ª e 3ª Epístolas de João
Livro do Apocalipse
Clemente é Bispo de Roma 92-101 1ª Epístola de Clemente
Morte do [apóstolo] João em Éfeso 98
Sínodo dos rabinos/judeus em Jâmnia 99-100 Cânon palestinense em hebraico
1º Cânon Cristão do Antigo Testamento c. 100 Cânon alexandrino em grego
100-125 2ª Epístola de Pedro
Didaqué
Melitão, bispo de Sardes c. 170 Primeira tentativa cristã conhecida de relacionar o cânon do Antigo Testamento. Melitão lista os livros do AT segundo a ordem da Septuaginta, mas apresenta apenas os protocanônicos do AT, com exceção de Ester.
Ireneu, bispo de Lião 185 Apresenta um cânon do Novo Testamento (sem 3João, Tiago e 2Pedro)
c. 200 Fragmento de Muratori apresenta um cânon semelhante ao do [Concílio de] Trento
Eusébio, bispo de Cesaréia c. 325 Escreve a “História Eclesiástica”; refere-se a Tiago, Judas, 2Pedro e 2-3João como “controversos, ainda que aceitos pela maioria”
Concílio [Regional] de Laodicéia c. 360 Apresenta um cânon de livros semelhante ao de Trento
Papa Dâmaso 382 Decreto listando os livros canônicos, da mesma forma que em Trento
Concílio [Regional] de Roma 382 Aceitação do decreto de Dâmaso
Concílio [Regional] de Hipona (norte da África) 393 Aprovado um cânon do Antigo e do Novo Testamento (igual ao de Trento)
Concílio [Regional] de Cartago (norte da África) 397 Aprovado um cânon do Antigo e do Novo Testamento (igual ao de Trento)
Exupério, bispo de Toulouse 405 Escreve ao papa Inocêncio I pedindo uma lista dos livros canônicos. Papa Inocêncio oferece uma lista idêntica ao cânon de Trento
Veja tambem  Cavaleiros do Santo Sepulcro doam 10,7 milhões de dólares à Terra Santa

Autor: Charles the Hammer
Fonte: Catholicapologetics.Net
Tradução: Carlos Martins Nabeto


Livros recomendados

Escola da Fé I: Sagrada TradiçãoA Virgem Nossa Senhora10 Livros que Estragaram o Mundo – E Outros Cinco Que Não Ajudaram em Nada





Comentários no Facebook:

comments

Anteriores

O que une todos os Movimentos: «o encontro com a beleza de Cristo»

Próximo

O Templo de Jerusalém

  1. Teodósio CArducci

    Que bacana. Gostei do Post.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén