Arcebispo italiano suspende comunhão na mão para evitar abusos contra Eucaristia

BOLONHA, 10 Mai. 09 / 11:27 pm (ACI).- O Arcebispo de Bolonha, Cardeal Carlo Caffarra, decidiu proibir a comunhão na mão em três Iglesias de sua jurisdição e pediu aos sacerdotes muita cautela para evitar que se sigam cometendo abusos contra a Eucaristia.

Conforme informou a imprensa local, o Escritório de Pastoral das Comunicações Sociais da Arquidiocese de Bolonha publicou um comunicado oficial com as novas disposições do Cardeal.

O texto recorda que há vinte anos, em 1989, “entrava em vigor a resolução da Conferência Episcopal Italiana, que autorizava, com a aprovação da Santa Sede, a distribuição da Sagrada Comunhão na mão”.

Entretanto, precisa que nos últimos tempos se receberam notificações de graves abusos sobre esta decisão pelo que o Cardeal Caffarra decidiu que na Catedral de São Pedro, a Basílica de São Petrônio e o Santuário da Virgem de São Lucas, “a comunhão se distribua aos fiéis unicamente sobre a língua”.

Segundo uma carta do pró-vigário geral de Bolonha, Dom Gabriele Cavina, originaram-se “graves abusos”, porque “existem pessoas que levam as Sagradas Espécies para tê-las como ‘souvenires'”, “quem as vende”, ou pior “quem as leva para profaná-las em ritos satânicos”.

O sacerdote explicou que, “por desgraça, se repetiram casos de profanação da Eucaristia aproveitando a possibilidade de receber o Pão consagrado na palma da mão, sobre tudo, mas não exclusivamente, nas grandes celebrações ou nas grandes Iglesias que são lugares de passagem de numerosos fiéis. Por este motivo é bom para controlar o momento da Santa Comunhão a partir do cumprimento das normas comuns por todos bem conhecidas”.

O Cardeal Caffarra pediu que durante as Missas, “os servidores ajudem ao Ministro, na medida do possível, vigiando para que cada fiel, depois de ter recebido o Pão consagrado o consuma imediatamente ante o Ministro e por nenhum motivo seja levado dali, ou colocado no bolso ou em sacos ou em qualquer outro lugar, ou caia no chão e seja pisado”.

Veja tambem  «Moralmente inaceitável» o programa europeu de financiamento de células-tronco

Livros recomendados

A Eucaristia: Pão de Vida EternaMensagens de Nossa Senhora AparecidaA Mulher do Apocalipse





Comentários no Facebook:

comments

Anteriores

Documentário sobre o Padre Pio – TV Canção Nova

Próximo

“Justiça e misericórdia”, bússola para os crentes no Deus Uno

  1. Aguida

    Muito bem decidido. Não se pode brincar com a Santa Eucaristia, e o que a Igreja puder fazer para impedir tal abuso, nós aplaudimos.

  2. Antônio

    Aplausos à proibição de se colocar a hóstia consagrada em qualquer mão. Voltem-se as "mesas da comunhão", todos de joelhos em respeito ao Senhor Sacramentado. – E aproveito para perguntar: Onde ficam os crucifixos, que outrora eram o foco do celebrante da missa? Neste último Pentecostes, havia crucifixo no altar do Papa; e por que não nos outros altares de celebrações?! Será agora o foco somente o povo, e fica o Crucificado em segundo plano?! As coisas modernas por vezes nos perturbam…

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén