A silenciosa investida da Rede Globo

Autor: Sergio Moura

Saudações amigos!

Dias atrás eu conversava com minha esposa sobre a programação da Rede Globo, do padrão de qualidade, da audiência, do investimento gigantesco em publicidade e das inúmeras repetidoras espalhadas no Brasil e no mundo.

Acontece que a Globo, com todo esse poder de penetração na sociedade e dentro de nossas casas, vem introduzindo, silenciosamente, uma cultura de libertinagem, traição, adultério e rompimento com a célula familiar de forma sutil.

Com o advento do BBB10 a Globo conseguiu o que ela vinha tentando há muito tempo, o beijo gay ao vivo. Em duas cenas do BBB 10 aconteceram dois beijos Gay e quando um deles foi “líder” a produção do programa teve o cuidado de colocar sobre uma estante a foto do beijo, com isso a Globo faz com que seus fiéis telespectadores vejam o beijo gay como algo comum e engraçado, ou seja, aceitável.
Agora, nas novelas globais o beijo gay vai acontecer, induzindo esse comportamento aos jovens e adolescentes, induzindo legisladores a criarem leis que abonem tal comportamento.

No mesmo BBB 10 uma das participantes declarou-se lésbica e com essa declaração todas as demais mulheres do programa se aproximaram dela sendo protagonizado o selinho lésbico no programa e todos os demais a apoiaram sob o manto sagrado do não preconceito.

Na novela Viver a Vida o tema principal mostrado de forma engraçada e aceitável é a da traição e do adultério.
A Globo leva ao telespectador ao absurdo de torcer para que um irmão traia o outro ficando com sua namorada.
A traição nessa novela é a mola mestra da máquina, todos os personagens se traem, e isso é mostrado de forma comum, simples, corriqueiro.

Mas talvez, a investida mais evidente e absurda esta na novela das 6h, Cama de Gato.
A Globo superou todos os limites nessa novela ao colocar como tema uma música do grupo Titãs.
Na música, nenhuma linha de sua letra se consegue tirar algo de poético, de aconselhável pra vida ou de apoio.
A letra da música faz menção discarada do Inimigo de nossas almas que deseja entrar em nossa casa (coração) e destruir tudo, tirarem tudo do lugar (destruir a célula familiar e nossa fé).

A música chega ao absurdo de dizer que devemos voltar à mesma prisão, a mesma vida de morte que vivíamos.

Amados amigos, fica o alerta, às vezes nem nos damos conta do real propósito de uma novela, de um programa, de uma música, e como Jesus esta às portas, as coisas do mal estão cada vez mais evidentes e claras. Até os incrédulos estão percebendo que algo esta errado.

Aproveito para trazer ao conhecimento a letra dessa música, cuidadosamente escolhida pela Globo para servir de tema da dita novela;  música de abertura da novela.

Vamos deixar que entrem Que invadam o seu lar
Pedir que quebrem Que acabem com seu bem-estar
Vamos pedir que quebrem O que eu construi pra mim
Que joguem lixo Que destruam o meu jardim

Eu quero o mesmo inferno A mesma cela de prisão – a falta de futuro
Eu quero a mesma humilhação – a falta de futuro

Vamos deixar que entrem Que invadam o meu quintal
Que sujem a casa E rasguem as roupas no varal
Vamos pedir que quebrem Sua sala de jantar
Que quebrem os móveis E queimem tudo o que restar

Eu quero o mesmo inferno A mesma cela de prisão – a falta de futuro
Eu quero a mesma humilhação – a falta de futuro

Eu quero o mesmo inferno A mesma cela de prisão – a falta de futuro O mesmo desespero

Vamos deixar que entrem Como uma interrogação
Até os inocentes Aqui já não tem perdão
Vamos pedir que quebrem Destruir qualquer certeza
Até o que é mesmo belo Aqui já não tem beleza

Vamos deixar que entrem E fiquem com o que você tem
Até o que é de todos Já não é de ninguém
Pedir que quebrem Mendigar pelas esquinas
Até o que é novo Já esta em ruinas

Vamos deixar que entrem Nada é como você pensa
Pedir que sentem Aos que entraram sem licença
Pedir que quebrem Que derrubem o meu muro
Atrás de tantas cercas Quem é que pode estar seguro?

Eu quero o mesmo inferno A mesma cela de prisão – a falta de futuro
Eu quero a mesma humilhação – a falta de futuro

Eu quero o mesmo inferno A mesma cela de prisão – a falta de futuro O mesmo desespero

Imaginem tudo isso entrando em sua casa… Quando você liga sua televisão, você abre uma janela para entrar em sua casa coisas boas ou ruins – isso é uma questão de escolha.

Imaginem nossas crianças cantando isso? Trazendo isso pra dentro do coração e da alma delas? Imaginem você cantando isso?

Tente imaginar de onde o compositor dessa “pérola” tirou inspiração para compôr tamanha afronta?

Ai pergunto, pode porventura vir alguma coisa boa da Rede Globo?

Pensem nisso, anunciem isso, façam conhecer, livre malguns dessa humilhação, dessa opressão, dessa falta de futuro, dessa cela de prisão.

Se você ama a sua família comente isso com os seus filhos e não deixe os seus amigos de fora. Esta situação não pode continuar.





Anteriores

Ser cristão é crime

Próximo

Homilia sobre o PNDH-3

  1. Gisele

    Alguns amigos já me enviaram email e estão a divulgar o que está acontecendo…Também não acho legal essas investidas. A letra dessa música, para mim, foi uma decepção muito grande. Pois não nos acrescenta nada, apenas quer nos roubar e confundir. E como a tempos venho pensando, acredito que a melhor forma de nos mobilizarmos é unindo-nos ao amor e a solidariedade. A caminharmos em buscar da união das ações do bem… A cada gesto de maldade e crueldade fazermos mais 10.000 gestos de amor e generosidade para que a nossa sociedade não seja totalmente contaminada pelo mal. É preciso que saimos de dentro de nossas casas, da frente da televisão e passemos a manifestar também o amor, as ações que nos elevem. Muitas vezes ficamos só a falar… o que estamos fazendo para sinalizar que o bem existe e também quer invadir a nossa vida?! Particepemos do cultivo da semente também, vamos plantá-las, cultivá-las ao noso redor… dentro da nossa casa, da nossa família, na nossa comunidade. Seguindo testemunhos como de madre Teresa, São Francisco de Assis que não esperaram alguém fazer, foram em frente e começaram… Precisamos nos unir mais as ações do bem . Parece utopia mas é preciso que cada vez mais reflitamos a cerca do que estamos plantando e colhendo?!

    abraços fraternos ! obrigadda pela partilha,

    Gisele

  2. Candida

    Prezado Sérgio,

    sou mãe de família, avó e estudante do 2o ano de teologia na UNISAL; concordo plenamente com você e estava ha dias me perguntando quais seriam os caminhos para protestar contra a destruição sistemática, subliminar e descarada que vem sendo feita dos valores morais que tentamos com tanto esforço inculcar aos nossos filhos e preservar em nossos lares. Esta é mais uma das inúmeras formas de violência que nos assolam e sei que nós, cristãos e não-cristãos, todos os homens de boa vontade, precisam reagir àquilo que vem sendo veiculado e de modo arbitrário imposto agredindo olhos, ouvidos e alma. O que fazer? Como fazer? são questões que demandam respostas. A sociedade civil precisa acordar e não mais permitir esse estrago sob pena de ser esmagada pelo mal. Creio que muitos estão conscientes do perigo mas a passividade e a falta de um programa de ação conjunta deixa todos no anonimato e na inércia. O tempo passa e não espera por ninguém; que farão de tudo isto as próximas gerações?

  3. Laura F.S.Ciachero

    Há muito tenho me preocupado com as "investidas da rede Globo". Catequese poderosa, pais alheios ou cegos que não são capazes de enxergar o MAL apresentado 24 horas nu e cru. Antes usava disfarces, hoje não precisa mais.

    Se nos uníssimos (nós povo, cidadãos) pelomenos em nome da Ética e Moral, será que não conseguiríamos junto as Autoridades Legais e Constituídas do nosso país intervir contra esse Mal de raízes profundas e destruidoras?

    Sei que há muitos anos atrás, pessoas unidas conseguiam tirar programas e propagandas do ar e através da justiça conseguiam muitas coisas.

    Se algum advogado cristão ou de boa vontade tomasse a frente, tenho certeza que conseguiríamos milhares de pessoas nesta luta.

    Um ajudaria o outro e logo teríamos uma estrutura para trabalhar contra o mal institucionalizado.

    Será que isso é possível, ou apenas um sonho.

    Vamos rezar,e se for do agrado de Deus, Ele nos abrirá as portas.

    Com carinho e esperança,

    Laura

  4. Célio Ferreir

    Talvez eu seja um alienado…

    Da globo só vejo duas coisas: RJ e o jornal da tarde quando não troco pela da Record…

    Não perco meu tempo vendo novelas, não consigo perceber o que as pessoas absorvem de bom nessas tramas tão ordinárias e hilárias que arremedam a vida!

    BigBrother? Não consigo imaginar alguém gastando seu dinheiro suado com telefonemas para alimentar um império! Existe algo mais… não tenho palavras!

    Restam, além dos jornais, F1 e futebol pois até os filmes "inéditos" são repetidos!

    Quanto aos titãs… quem são eles?

    Se você acha que não tem nada de interessante pra fazer, leia a Bíblia, participe de uma Pastoral na sua Paróquia; a sua comunidade vai agradecer.

  5. luiz

    é verdade dessa vez a globo foi longe demais

    pois não se pode fazer uma coisa dessas na frente de crianças ,pois elas ainda são muito pequenas para entender esse tipo de situação

    sem contar que muitas das vezes isso desperta enteresse nelas

    e tudo no horario nobre

    eu ostou horrorisado

  6. Elizabeth Malvaccini

    Ha muito tempo estou falando com meus filhos sobre a Rede Globo. Ela é uma nuvem que silenciosamente age na calada da noite matando, aos poucos os principios básicos de uma sociedade, a formação moral de uma familia. Como diz Padre Paulo Ricardo em várias palestras, que existe uma ação mundial para atacar o centro de toda a humanidade, a familia, os valores morais e os valores religiosos. Caindo esse tripé, tudo pode acontecer e esta acontecendo já, agora. Estamos diante da profanação não só de Deus, mas a profanação do ser hunamo. Quem já viveu no Rio de Janeiro como eu, sabe como é a sociedade televisiva, o atraz das câmaras. Já ha muito tempo aqui na minha casa não se liga na Globo, justamente devido a isso tudo que vem acontecendo sem as pessoas perceberam. Assitimos filmes ou a Canção Nova. O que podemos fazer é rezar pelo nosso Brasil, pedindo ao bom Deus a sua proteção e misericórdia.

  7. Amelia

    Sr. Sérgio Moura, excelente o seu artigo sobre a programação da Rede Globo. Quem sabe se muitos se manifestassem contra esse tipo de apresentação de programas ela não revesse toda a sua programação para melhor. Parabéns.

  8. José Dias de

    Profundamente lamentável a programação da Globo.

    Não é só da Globo não a Record com sua ''fazenda''

    também não fica atrás, afinal ela não quer passar

    a toda poderosa e fará tudo em nome da audiênçia

    apenas um comentário: boicote.

  9. Precisamos reunir nossa familia e colocar este assunto ridiculos em debate e mostrar aos nossos filhos o que vem acontecendo dentro de nossas casa da qual a REDE GLOBO vem nos mostrando. Espero que as pessoas reflitam bem esta matéria que o autor sr Sérgio Moura nos passa. Procure a Jesus este sim tem nos dado tudo, toma tua cruz e o segue. obs: novela já esta dizendo o que é: ( é uma novela)

  10. Ivanilda Freire

    Realmente dessa vez a Globo foi longe demais. Esse BBB, é simplesmente ridículo, não consigo entender como pessoas perdem tempo de frente pra televisão assistindo uma porcaria dessa. Pelo amor de Deus!!! simplesmente odeio, quando passa aquele olho mudo de canal imediatamente. Vamos lutar pra que em nossas casas entrem coisas descentes, inteligentes, coisas que nos façam crescer. Espero que muitas pessoas leiam e reflitam sobre a matéria do sr. Sérgio Moura.

  11. Juliana Souza

    Que dúvida!

    Deus perdoai, eles não sabem o que fazem!

Deixe uma resposta

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén