1. Palavras de Jeremias, filho de Helcias, um dos sacerdotes que viviam em Anatot, na terra de Benjamim.

4. Foi-me dirigida nestes termos a palavra do Senhor:

5. Antes que no seio fosses formado, eu já te conhecia; antes de teu nascimento, eu já te havia consagrado, e te havia designado profeta das nações.

6. E eu respondi: Ah! Senhor JAVÉ, eu nem sei falar, pois que sou apenas uma criança.

7. Replicou porém o Senhor: Não digas: Sou apenas uma criança: porquanto irás procurar todos aqueles aos quais te enviar, e a eles dirás o que eu te ordenar.

8. Não deverás temê-los porque estarei contigo para livrar-te - oráculo do Senhor.

9. E o Senhor, estendendo em seguida a sua mão, tocou-me na boca. E assim me falou: Eis que coloco minhas palavras nos teus lábios.

10. Vê: dou-te hoje poder sobre as nações e sobre os reinos para arrancares e demolires, para arruinares e destruíres, para edificares e plantares.



1. De Salomão. Ó Deus, confiai ao rei os vossos juízos. Entregai a justiça nas mãos do filho real,

2. para que ele governe com justiça vosso povo, e reine sobre vossos humildes servos com eqüidade.

3. Produzirão as montanhas frutos de paz ao vosso povo; e as colinas, frutos de justiça.

4. Ele protegerá os humildes do povo, salvará os filhos dos pobres e abaterá o opressor.

5. Ele viverá tão longamente como dura o sol, tanto quanto ilumina a lua, através das gerações.

6. Descerá como a chuva sobre a relva, como os aguaceiros que embebem a terra.

15. Assim ele viverá e o ouro da Arábia lhe será ofertado; por ele hão de rezar sempre e o bendirão perpetuamente.

17. Seu nome será eternamente bendito, e durará tanto quanto a luz do sol. Nele serão abençoadas todas as tribos da terra, bem-aventurado o proclamarão todas as nações.



1. Naquele dia, saiu Jesus e sentou-se à beira do lago.

2. Acercou-se dele, porém, uma tal multidão, que precisou entrar numa barca. Nela se assentou, enquanto a multidão ficava à margem.

3. E seus discursos foram uma série de parábolas.

4. Disse ele: Um semeador saiu a semear. E, semeando, parte da semente caiu ao longo do caminho; os pássaros vieram e a comeram.

5. Outra parte caiu em solo pedregoso, onde não havia muita terra, e nasceu logo, porque a terra era pouco profunda.

6. Logo, porém, que o sol nasceu, queimou-se, por falta de raízes.

7. Outras sementes caíram entre os espinhos: os espinhos cresceram e as sufocaram.

8. Outras, enfim, caíram em terra boa: deram frutos, cem por um, sessenta por um, trinta por um.

9. Aquele que tem ouvidos, ouça.





“Diga ao Senhor: Faça em mim segundo a Tua vontade, mas antes de mandar-me o sofrimento, dê-me forças para que eu possa sofrer com amor.”. São Padre Pio de Pietrelcina

Newsletter

Receba as novidades, artigos e noticias deste portal.