Job tomou a palavra e disse aos seus amigos:
«Na verdade, eu sei muito bem que é assim: como pode um homem ter razão contra Deus?
Se ele quisesse discutir com Deus, nem uma vez em mil poderia responder-Lhe.

O coração de Deus é sábio, a sua força é grande: quem se Lhe opôs e saiu ileso?
Ele desloca as montanhas sem elas saberem e as derruba no seu furor.

Sacode os alicerces da terra e abala as suas colunas.

Dá ordens ao sol e ele não nasce e põe um selo sobre as estrelas.

Sozinho Ele estende os céus e caminha sobre as ondas do mar.
Criou a Ursa Maior e o Orion, as Plêiades e as Constelações do Sul.

Faz prodígios insondáveis e maravilhas sem conta.

Se vier junto de mim, não O vejo, se passar a meu lado, não O sinto.

Se apanhar uma presa, quem Lho impedirá? Quem Lhe dirá: ‘Que estais a fazer?’.

Como iria eu então responder-Lhe e encontrar argumentos contra Ele?
Embora eu tivesse razão, não devo replicar, só tenho de implorar Àquele que é meu juiz.

Ainda que eu O chamasse e Ele me respondesse, não tenho a certeza de que escutasse a minha voz».



Os meus olhos apagaram se de tanto sofrer: todos os dias te invoco, SENHOR, estendo para ti as minhas mãos.

estendo para Vós as minhas mãos.

Fareis Vós maravilhas entre os mortos?
Irão levantar-se os defuntos para Vos louvar?
Haverá no sepulcro quem fale da vossa bondade
ou da vossa fidelidade no reino dos mortos?
Serão conhecidas nas trevas as vossas maravilhas,
na terra do esquecimento a vossa justiça?
Eu, porém, clamo por Vós, Senhor,
de manhã a minha oração sobe à vossa presença.

Porque me afastais de Vós, Senhor,
porque escondeis de mim o vosso rosto?



Naquele tempo, Jesus e os seus discípulos iam a caminho de Jerusalém, quando alguém Lhe disse: «Seguir-Te-ei para onde quer que fores».

Jesus respondeu-lhe: «As raposas têm as suas tocas, e as aves do céu os seus ninhos; mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça».

Depois disse a outro: «Segue-Me». Ele respondeu: «Senhor, deixa-me ir primeiro sepultar meu pai».

Disse-lhe Jesus: «Deixa que os mortos sepultem os seus mortos; tu, vai anunciar o reino de Deus».

Disse-Lhe ainda outro: «Seguir-Te-ei, Senhor; mas deixa-me ir primeiro despedir-me da minha família».

Jesus respondeu-lhe: «Quem tiver lançado as mãos ao arado e olhar para trás não serve para o reino de Deus».



Jesus começou por renunciar a Maria e a José, bem como aos seus amigos secretos de cuja simpatia gozava; mas, quando chegou o tempo, teve de renunciar a ela. […] Permaneçamos uns instantes ao pé de Maria, antes de seguirmos a marcha de seu Filho, Nosso Senhor. Aconteceu Jesus recusar a um que queria segui-Lo autorização para se afastar dos seus. E contudo, esse foi, aparentemente, o seu comportamento com sua Mãe. […]

Ó Maria, pensamos na tua […] dor de Mãe; pois não terá a dor causada pela partida de teu Filho sido uma das maiores? […] Como foi que suportaste essa primeira separação, que passaste os primeiros dias longe dele? […] Como conseguiste viver aqueles três longos anos do seu ministério? Certa vez, a princípio, tentaste aproximar-te (Mc 3,31); mas depois, nunca mais ouvimos falar de ti, até voltarmos a encontrar-te de pé ao lado da sua cruz.



Por que a tentação passada deixa na alma uma certa perturbação? perguntou um penitente a Padre Pio. Ele respondeu: “Você já presenciou um tremor de terra? Quando tudo estremece a sua volta, você também é sacudido; no entanto, não necessariamente fica enterrado nos destroços!” São Padre Pio de Pietrelcina

Newsletter

Get news, articles and news from this portal.