29. Jesus, Nosso Divino Mestre

  1. A TRANSFIGURAÇÃO
    Um dia, Jesus foi com três dos seus apóstolos, Pedro, Tiago e João, a um monte alto e transfigurou-se diante deles. A sua face resplandeceu como o sol e as suas vestes alvejaram como a neve. Ao mesmo tempo apareceram Moisés e Elias falando com ele.
    Tomando a palavra, Pedro disse a Jesus: "Senhor, é bom estarmos aqui. Se quiserdes, armaremos aqui três barracas, uma para vós, outra para Moisés e outra para Elias".
    Mas, de repente, uma nuvem luminosa os envolveu e do meio da nuvem ouviu-se uma voz: "Este é o meu filho dileto em quem pus toda a minha complacência. Escutai-o".
    Ouvindo estas palavras, os discípulos caíram por terra e ficaram com muito medo. Porém, Jesus se aproximou deles e os tocou, dizendo: "Levantai-vos e não temais". Então ergueram os olhos e não viram mais ninguém a não ser Jesus.

  2. AS BEM-AVENTURANÇAS
    De toda a parte acorriam multidões para ouvir as palavras de Jesus. Certa vez, Jesus subiu a um monte, sentou-se e começou a ensinar, dizendo:
    "Bem-aventurados os pobres de espírito porque deles é o reino dos céus.
    Bem-aventurados os mansos porque possuirão a terra.
    Bem aventurados os que choram porque serão consolados.
    Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça porque serão saciados.
    Bem-aventurados os misericordiosos porque alcançarão misericórdia.
    Bem-aventurados os puros de coração porque verão a Deus.
    Bem-aventurados os pacíficos porque serão chamados filhos de Deus.
    Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça porque deles é o reino dos céus.
    Alegrai-vos e exultai porque grande é a vossa recompensa nos céus"
    .

  3. A LEI DO AMOR
    Certo dia, um doutor da Lei perguntou a Jesus: "Mestre, qual o maior mandamento da Lei?".
    Jesus disse-lhe: "Amarás o Senhor teu Deus com todo o teu coração, com toda a tua alma e com todas as tuas forças. Este é o maior e o primeiro dos mandamentos. O segundo é semelhante a este: amarás o teu próximo como a ti mesmo".
    Jesus também disse: "Amai os vossos inimigos, fazei bem aos que vos odeiam, orai pelos que vos perseguem e caluniam. Assim sereis filhos do vosso Pai que está nos céus e que faz nascer o sol para os bons e os maus, além de enviar a sua chuva aos justos e aos pecadores".

  4. A ORAÇÃO DO SENHOR
    Certo dia que Jesus voltava de orar num lugar solitário, disseram-lhe os discípulos: "Senhor, ensinai-nos a orar". Então Jesus disse: "Quando orardes, dizei assim: Pai nosso que estais no céu, santificado seja o vosso nome, venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje, perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém".
    Depois Jesus disse: "Pedi e recebereis; procurai e achareis; batei e abrir-se-vos-á!
    Se porventura algum de vós pedir pão a seu pai dar-lhe-á ele uma pedra? Ou se lhe pedir um peixe, dar-lhe-á ele uma serpente? Ou se lhe pedir um ovo, dar-lhe-á ele um escorpião? Se vós, que sois maus, sabeis dar coisas boas a vossos filhos, quanto mais vosso Pai celestial dará espírito bom aos que lhe pedirem?
    Digo-vos ainda que, se dois de vós se unirem na terra e pedir qualquer coisa, esta lhe será concedida por meu Pai que está nos céus. Porque, onde estiverem dois ou três pessoas reunidas em meu nome, eu estarei no meio delas"
    .

  5. DEVEMOS ORAR COM HUMILDADE
    Jesus também propôs esta parábola: "Entraram dois homens no templo para orar: um era fariseu e o outro era cobrador de impostos. O fariseu, em pé, gritava: 'Graças te dou, ó Deus, porque não sou como os outros homens: ladrões, ímpios, adúlteros, nem como este cobrador de impostos. Jejuo duas vezes por semana e pago o dízimo de tudo o que possuo'. Porém, o cobrador de impostos, conservando-se a distância, não ousava sequer levantar os olhos para o céu, mas batia no peito dizendo: 'Tende piedade de mim, ó Deus, porque sou pecador'. Digo-vos que este voltou justificado para sua casa e não o outro porque quem se exalta será humilhado e quem se humilha será exaltado".

  6. DEVEMOS PROCURAR OS BENS DO CÉU
    Jesus ainda disse: "Não vos preocupeis demais com o vosso sustento. Vede as aves do céu: elas não semeiam, não colhem, nem juntam no celeiro; mas o vosso Pai celeste as sustentam. Acaso vós não valeis muito mais do que elas?
    Não vos inquieteis com o que haveis de vestir. Vede como crescem os lírios do campo: não trabalham, nem fiam; contudo eu vos digo: nem Salomão, em toda a sua magnificência, se vestiu como um deles.
    Não vos aflijais, dizendo: 'Que haveremos de comer ou de beber? Com que havemos de nos vestir?'. O vosso Pai do céu sabe que precisais de tudo isso. Mas, em primeiro lugar, buscai o reino de Deus e a sua justiça e tudo mais vos será dado por acréscimo"
    .

  7. JESUS ENSINA A PRATICAR BOAS OBRAS
    Disse Jesus: "Nem todo aquele que me diz 'Senhor, Senhor!' entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos céus, esse entrará no reino dos céus.
    Guardai-vos de fazer as vossas boas obras diante dos homem com o fim de serdes vistos por eles; de outra sorte, não sereis remunerados pelo vosso Pai que está nos céus. Quando deres esmola, não façais tocar a trombeta diante de vós, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas para serem honrados pelos homens. Em verdade vos digo: já receberam a sua recompensa. Quando deres esmola, não saiba a vossa mão esquerda o que faz a direita para que a vossa esmola fique em segredo e o vosso Pai, que vê no segredo, vos pagará"
    .
    Certo dia, Jesus estava no templo em frente da caixa de esmolas e observava o povo que ali deixava dinheiro. Alguns ricos davam muito, mas chegou também uma pobre viúva que colocou duas moedinhas. Jesus chamou os discípulos e disse-lhes: "Em verdade vos digo: esta pobre viúva deu mais que todos os outros porque os outros deram o que tinham de sobra enquanto que ela deu, em sua pobreza, tudo o que tinha".

  8. JESUS MANDA OBEDECER AS AUTORIDADES
    Certa vez, os fariseus quiseram armar uma cilada para Jesus. Mandaram seus discípulos juntamente com os herodianos perguntarem-lhe: "Mestre, conhecemos a vossa retidão e sabemos que ensinais o caminho de Deus segundo a verdade, sem querer agradar ninguém pois não fazeis distinção de pessoas. Dizei-nos portanto: é lícito ou não pagar o tributo a César?".
    Jesus, percebendo a malícia, respondeu: "Por que me tentais, hipócritas? Mostrai-me a moeda do tributo".
    Eles mostraram-lhe o dinheiro e Jesus disse-lhes: "De quem é esta imagem e esta inscrição?". Responderam: "De César". Disse-lhes então Jesus: "Pois dai a César o que é de César e a Deus o que é de Deus".

  9. A VIDA PRESENTE PREPARA A ETERNIDADE
    Jesus disse: "Havia um homem rico, que se vestia de púrpura e de linho fino e que todos os dias preparava um banquete esplêndido. Havia também um mendigo chamado Lázaro que jazia à sua porta, coberto de chagas. Este desejava saciar-se com as migalhas que caíam da mesa do rico, mas ninguém as dava. E os cães vinham lamber-lhe as feridas.
    Ora, certo dia o mendigo morreu e os anjos o levaram para o seio de Abraão. O rico também morreu e foi levado para o inferno. Enquanto estava sendo atormentado, levantou os olhos e viu Abraão ao longe e Lázaro no seu seio. Gritando, disse: 'Pai Abraão, tende piedade de mim e mandai Lázaro molhar a ponta do dedo na água para me refrescar a língua porque sofro terrivelmente nestas chamas'. Abraão respondeu-lhe: 'Filho, lembra-te que recebeste os bens em vida e Lázaro, ao contrário, os males. Por isso, agora ele é consolado e tu és atormentado'. Disse o rico: 'Pai, peço-vos ao menos que o mandeis a minha casa para que avise os meus irmãos para que também eles não venham para este lugar de tormentos'. Abraão respondeu: 'Eles têm Moisés e os profetas. Que os ouçam'. Ele, porém, insistiu: 'Não, pai Abraão! Se algum dos mortos for até eles, farão penitência'. Abraão disse: 'Se não ouvem Moisés e os profetas, tão pouco acreditariam ainda que algum dos mortos ressuscitasse'"
    .

  10. NO FIM, TODOS SERÃO JULGADOS
    Jesus ainda disse: "No fim do mundo, Deus voltará com todos os anjos. Assentar-se-á no seu trono de glória e todas as nações se reunirão diante dele. Os bons estarão à direita e os maus à esquerda.
    Dirá então aos da direita: 'Vinde, benditos de meu Pai. Possuí o reino que vos está preparado desde a criação do mundo'. Depois dirá aos da esquerda: 'Afastai-vos de mim, malditos. Ide para o fogo eterno preparado para o demônio e seus anjos'. Estes irão para o suplício eterno e os justos para a vida eterna"
    .





“Comunguemos com santo temor e com grande amor.” São Padre Pio de Pietrelcina

Newsletter

Receba as novidades, artigos e noticias deste portal.