26. A Infância de Jesus

  1. A APRESENTAÇÃO DO MENINO JESUS NO TEMPLO
    Quarenta dias após o nascimento do Menino, Maria e José levaram-no a Jerusalém para o apresentarem ao Senhor.
    Havia então em Jerusalém um velho, chamado Simeão, homem justo e temente a Deus, a quem o Espírito Santo tinha revelado que não morreria antes de ter visto o Salvador. Levado por inspiração divina, Simeão foi ao templo. Recebeu o Menino Jesus nos seus braços e louvou a Deus, dizendo: "Agora posso morrer em paz porque os meus olhos viram o Senhor".
    Também havia em Jerusalém uma piedosa viúva de 84 anos, chamada Ana. Servia a Deus, noite e dia, em jejuns e orações. Apareceu também nessa ocasião e pôs-se a louvar ao Senhor.

  2. OS MAGOS ADORAM O MENINO JESUS
    Depois do nascimento de Jesus em Belém, vieram uns magos do Oriente a Jerusalém e perguntaram: "Onde está o Rei dos judeus que nasceu há pouco? Vimos a sua estrela no Oriente e viemos adorá-lo".
    Ouvindo isto, o rei Herodes perturbou-se. Perguntou aos doutores da Lei onde devia nascer o Messias. Disseram-lhe: "Em Belém de Judá". Então Herodes mandou os magos a Belém e disse-lhes: "Quando encontrardes o Menino, venham me dizer para que também eu vá adorá-lo".
    Os magos partiram. A estrela ia sempre à frente deles até parar sobre a casa onde estava o Menino. Os magos entraram e encontraram o Menino com Maria, sua Mãe. Prosttraram-se logo para o adorar e ofereceram-lhe presentes: ouro, incenso e mirra.
    De noite, Deus avisou-os de que não voltassem a Herodes. Por isso, retornaram para sua terra por outro caminho.

  3. A SAGRADA FAMÍLIA FOGE PARA O EGITO
    Quando os magos partiram, um anjo do Senhor apareceu em sonhos a José e disse-lhe: "Levanta-te, toma o Menino e sua Mãe e foge para o Egito porque Herodes procura o Menino para o matar". José levantou-se e nessa mesma noite partiu para o Egito com o Menino e sua Mãe.
    Vendo que os magos não haviam retornado, Herodes ficou muito irritado e mandou matar todos os meninos de Belém e arredores, da idade de dois anos para baixo.
    Depois da morte de Herodes, o anjo do Senhor apareceu a José e disse-lhe: "Levanta-te, toma o Menino e sua Mãe e volta para a terra de Israel". José levantou-se, pôs-se a caminho para a terra de Israel e foi residir em Nazaré. Nesta cidade, Jesus foi crescendo, cheio de sabedoria e a graça de Deus estava com ele.

  4. O MENINO JESUS FICA NO TEMPLO
    Todos os anos os pais de Jesus iam a Jerusalém por ocasião da festa da Páscoa. Quando Jesus chegou à idade de doze anos, foi também com eles.
    Depois da solenidade, Maria e José regressaram, mas o Menino ficou em Jerusalém sem que os pais percebessem. Julgando que ele estava em outro grupo, andaram um dia de caminho. Depois, procuraram-no entre os parentes e conhecidos.
    Não o tendo encontrado, voltaram a Jerusalém, em busca dele. Foram ao templo e lá o encontraram, sentado no meio dos doutores, ouvindo-os e interrogando-os. Todos estavam admirados com a sua sabedoria e as suas respostas. A Mãe disse-lhe: "Meu filho, por que fizeste assim? Teu pai e eu estávamos aflitos procurando-te". Jesus respondeu: "Por que me procuráveis? Não sabíeis que estava na casa de meu Pai?".
    Jesus voltou a Nazaré com seus pais. Prestava-lhes obediência e crescia em sabedoria, em idade e em graça, diante de Deus e dos homens.



“Tenhamos sempre horror ao pecado mortal e nunca deixemos de caminhar na estrada da santa eternidade.” São Padre Pio de Pietrelcina

Newsletter

Receba as novidades, artigos e noticias deste portal.