25. O Nascimento de Jesus (6 a.C.)

  1. A SAUDAÇÃO DO ANJO GABRIEL À VIRGEM MARIA
    Naquele tempo, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a Nazaré, à uma virgem chamada Maria, desposada com um homem que se chamava José. Entrando em sua casa, o anjo disse-lhe: "Ave Maria, cheia de graça; o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres".
    Ouvindo estas palavras, Maria ficou atemorizada e perguntava a si mesma o que queria dizer esta saudação. O anjo disse-lhe: "Não temais, Maria, pois achastes graça diante do Senhor. Eis que tereis um filho e lhe dareis o nome de Jesus. Ele será grande e será chamado Filho do Altíssimo".
    Maria disse ao anjo: "Como poderá ser isso se não conheço varão?". O anjo respondeu: "O Espírito Santo descerá sobre vós e te cobrirá com sua sombra. A Deus nada é impossível".
    Então Maria disse: "Eis a serva do Senhor! Faça-se em mim segundo a vossa palavra!". E o anjo afastou-se dela.

  2. MARIA VISITA SUA PRIMA ISABEL
    Maria foi logo, apressadamente, a uma cidade de Judá onde habitava sua prima Isabel. Bastou Isabel receber a sua saudação para ficar cheia do Espírito Santo e exclamar em voz alta: "Bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre! De onde me vem ser visitada pela Mãe do meu Senhor? Bem-aventurada sois vós por ter crido porque se cumprirão todas as coisas que vos foram ditas da parte do Senhor".
    Maria ficou com Isabel cerca de três meses e depois voltou para sua casa.

  3. JESUS NASCE EM BELÉM
    Naquele tempo, apareceu um edito de César Augusto para que se recenseasse todo o império. Todos iam registrar-se, cada um em sua cidade.
    José, que era descendente de Davi, teve de ir para Belém, chamada a Cidade de Davi, para lá se registrar junto com Maria. Enquanto estavam nesta cidade, Maria teve o seu Filho primogênito. Embrulhou-o em paninhos e deitou-o numa manjedoura pois não havia lugar para eles na hospedaria.

  4. UM ANJO APARECE AOS PASTORES
    Nos campos da vizinhança, andavam pastores a guardar os seus rebanhos. De repente, apareceu-lhes um anjo do Senhor e eles tiveram muito medo. Mas o anjo disse-lhes: "Não temais! Eu vos anuncio uma grande alegria: hoje, na cidade de Davi, nasceu o Salvador, Cristo nosso Senhor. Eis o sinal pelo qual o reconhecereis: achareis um menino envolto em paninhos e reclinado num presépio".
    No mesmo instante, juntou-se ao anjo uma multidão de espíritos celestes que cantavam louvores ao Senhor e diziam: "Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens de boa vontade".

  5. OS PASTORES VÃO AO PRESÉPIO
    Quando os anjos subiram ao céu, os pastores disseram uns aos outros: "Vamos a Belém para ver o que lá se sucedeu". Foram apressadamente e encontraram Maria, José e o Menino deitado no presépio. Contemplaram-no e contaram o que lhes tinha sido dito sobre este Menino. Depois voltaram, glorificando e louvando a Deus por tudo o que tinham ouvido e visto.



“O Coração de Jesus não deixará cair no vazio a nossa oração se ela for plena de fé e de confiança.” São Padre Pio de Pietrelcina

Newsletter

Receba as novidades, artigos e noticias deste portal.