aaaaa

Encontrados 41 resultados para: saco

  • E, rasgando as vestes, cobriu-se de um saco, e chorou o seu filho por muito tempo. (Gênesis 37, 34)

  • José ordenou depois que se enchessem de trigo os seus sacos, e que se pusesse o dinheiro de cada um em seu saco de viagem, e também que se lhes dessem provisões para o caminho: assim foi feito. (Gênesis 42, 25)

  • Na estalagem, abrindo um deles o seu saco para dar de comer ao seu jumento, viu que o seu dinheiro estava na boca do saco. (Gênesis 42, 27)

  • “Devolveram-me o meu dinheiro, disse ele aos seus irmãos; ei-lo aqui no meu saco!” Desfaleceu-se-lhes o coração, e, tomados de espanto, disseram uns aos outros: “Que é isto que Deus nos fez?” (Gênesis 42, 28)

  • E, esvaziando os seus sacos, eis que o pacote de dinheiro de cada um se encontrava em seu saco. Quando eles e seu pai viram seu dinheiro, tiveram medo. (Gênesis 42, 35)

  • Quando chegamos à estalagem e abrimos nossos sacos, o dinheiro de cada um se encontrava na boca de seu saco: era o peso exato do dinheiro. Tornamos a trazê-lo conosco; (Gênesis 43, 21)

  • José deu esta ordem ao intendente de sua casa: “Enche de víveres os sacos destes homens tanto quanto possam conter, e põe o dinheiro de cada um na boca do saco. (Gênesis 44, 1)

  • Porás minha taça de prata na boca do saco do mais novo, com o preço do seu trigo”. E fez o intendente como José lhe mandara. (Gênesis 44, 2)

  • E, imediatamente, pôs cada um o seu saco por terra e o abriu. (Gênesis 44, 11)

  • O intendente revistou-os começando pelo mais velho e acabando pelo mais novo; e a taça foi encontrada no saco de Benjamim. (Gênesis 44, 12)

  • Davi suplicou ao Senhor pelo menino; jejuou e passou a noite em sua casa prostrado por terra, vestido com um saco. (II Samuel 12, 16)

  • Resfa, porém, filha de Aia, tomando um saco, estendeu-se sobre ele em cima de uma rocha (e ali esteve) desde o princípio da colheita da cevada até o dia em que caiu sobre eles a chuva do céu; e ela não deixou que os pássaros do céu pousassem sobre os corpos durante o dia, nem que as feras selvagens os (tocassem) durante a noite. (II Samuel 21, 10)

“Por que a tentação passada deixa na alma uma certa perturbação? perguntou um penitente a Padre Pio. Ele respondeu: “Você já presenciou um tremor de terra? Quando tudo estremece a sua volta, você também é sacudido; no entanto, não necessariamente fica enterrado nos destroços!” São Padre Pio de Pietrelcina