aaaaa

Encontrados 450 resultados para: cidades

  • Abrão fixou-se na terra de Canaã, e Lot nas cidades da planície, onde levantou suas tendas até Sodoma. (Gênesis 13, 12)

  • E destruiu essas cidades e toda a planície, assim como todos os habitantes das cidades e a vegetação do solo. (Gênesis 19, 25)

  • Quando Deus destruiu as cidades da planície, lembrou-se de Abraão e livrou Lot do flagelo com que destruiu as cidades onde ele habitava. (Gênesis 19, 29)

  • Tais são os filhos de Ismael, e estes são os seus nomes segundo suas cidades e seus respectivos acampamentos, doze chefes de suas tribos. (Gênesis 25, 16)

  • Partindo eles dali, Deus semeou o pânico nas cidades circunvizinhas, de sorte que não perseguiram os filhos de Jacó. (Gênesis 35, 5)

  • Eles ajuntarão todos os produtos destes bons anos que vêm, e armazenarão o trigo nas cidades, à disposição do faraó como provisões a conservar. (Gênesis 41, 35)

  • José ajuntou todo o produto destes sete anos no Egito e os pôs em reserva nas cidades, e os mantimentos dos campos que estavam ao redor de cada cidade, guardou-os na mesma cidade. (Gênesis 41, 48)

  • Estabeleceu, pois, sobre eles, feitores para acabrunhá-los com trabalhos penosos: eles construíram para o faraó as cidades de Pitom e Ramsés, que deviam servir de entreposto. (Êxodo 1, 11)

  • Quanto às cidades dos levitas e às casas que possuem, terão eles um direito de resgate perpétuo. (Levítico 25, 32)

  • Quem comprar dos levitas uma casa, sairá no jubileu da casa vendida e da cidade em que a possua, porque as casas das cidades dos levitas são sua propriedade no meio dos israelitas. (Levítico 25, 33)

  • Os campos dos arrabaldes das cidades dos levitas não serão vendidos, porque são sua propriedade perpétua.” (Levítico 25, 34)

  • Farei cair sobre vós a espada para vingar a minha aliança. Se vos ajuntardes em vossas cidades, lançarei a peste no meio de vós e sereis entregues nas mãos de vossos inimigos. (Levítico 26, 25)

“Tenhamos sempre horror ao pecado mortal e nunca deixemos de caminhar na estrada da santa eternidade.” São Padre Pio de Pietrelcina