FATIMA, 13 Out. 14 / 02:52 pm (ACI).- No dia 13 de outubro de 1917, diante de milhares de peregrinos que chegaram a Fátima (Portugal), ocorreu o denominado “Milagre do sol”, no qual, após a aparição de Nossa Senhora aos pastorzinhos Jacinta, Francisco e Luzia, pôde-se ver o sol tremer, em uma espécie de “dança”, conforme relataram os que estavam aí.

Depois de uma chuva intensa, as nuvens escuras se abriram e deram espaço ao sol, que segundo as testemunhas, aparecia como um suave disco de prata. Então, a luz do sol tomou diferentes cores e o sol pareceu envolver as milhares de pessoas, que já estavam de joelhos.

O jornalista do jornal português O Século, Avelino de Almeida, estimou entre 30 mil a 40 mil pessoas, o número de presentes no momento do milagre, enquanto que o professor de ciências naturais da Universidade de Coimbra Joseph Garrett, que assim como o jornalista De Almeida esteve no lugar esse dia, estimou o número de testemunhas em 100 mil.

O milagre durou cerca de três minutos. Além do “Milagre do sol”, os pastorzinhos disseram ter visto imagens de Jesus, de Nossa Senhora e de São José abençoando a multidão.

Esta foi a última vez que a Virgem apareceu a Jacinta e a Francisco. Apareceu uma sétima vez a Luzia em 1920, alentando-a a dedicar a sua vida a Deus.




Comentários no Facebook:

comments

Veja tambem  A pedido do papa, Igreja muda oração à Padroeira