Irmãos: A cada um de nós foi concedida a graça, na medida em que recebeu o dom de Cristo.
Por isso diz a Escritura: «Subiu às alturas, sujeitou um grupo de cativos, concedeu dons aos homens».
Que quer dizer «subiu», senão que também desceu às regiões inferiores da terra?
Aquele que desceu é o mesmo que subiu acima de todos os céus, a fim de encher o universo.
Foi Ele também que a uns constituiu apóstolos, a outros evangelistas e a outros pastores e mestres,
para o aperfeiçoamento dos cristãos em ordem ao trabalho do ministério e à edificação do Corpo de Cristo,
até que cheguemos todos à unidade da fé e do conhecimento do Filho de Deus, ao estado de homem perfeito, à medida de Cristo na sua plenitude.
Assim, já não somos crianças inconstantes, levados ao sabor de todas as correntes de doutrina, à mercê da maldade dos homens, da astúcia com que induzem ao erro.
Pelo contrário, praticando a verdade na caridade, cresceremos em tudo para Cristo, que é a Cabeça.
É por Ele que o corpo inteiro, coordenado e unido por meio de todas as junturas, opera o seu crescimento orgânico, segundo a atividade de cada uma das partes, a fim de se edificar na caridade.




Comentários no Facebook:

comments