CNBB impulsiona Projeto 1 Milhão de Bíblias

Secretário do organismo visita o Estado do Pará para entregar material

BRASÍLIA, terça-feira, 24 de agosto de 2010 (ZENIT.org) – O secretário geral da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), Dom Dimas Lara Barbosa, está em Abaetetuba (Pará, norte do país), para entregar kits do “Projeto 1 Milhão de Bíblias”.

Nesta terça-feira, o bispo visita a sede do Regional Norte 2 da CNBB (Pará e Amapá) para divulgar a campanha.

Desenvolvida em parceria com a Comissão para a Missão Continental no Brasil, a campanha faz parte do projeto “O Brasil na Missão Continental”, que tem por objetivo entregar kits (Bíblia Infantil, Catecismo, ABC da Bíblia) para todos que não têm condições de comprar.

O tema da campanha é “Ide, pois, fazer discípulos entre todas as nações, e batizai-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo” (Mt 28,19) e o lema “Discípulo e servidores da Palavra de Deus”.

A arquidiocese de Belém e as demais dioceses do Regional Norte 2 fizeram levantamento a partir desse projeto de evangelização e apresentaram números de quantas Bíblias precisariam receber. Só na diocese de Abaetetuba, por exemplo, foram entregues dez mil, segundo informa a CNBB.

Segundo os organizadores do projeto, alguns Regionais da Conferência episcopal terão prioridade no atendimento para receber os kits. Trata-se de localidades no norte, nordeste e centro-oeste do Brasil. O Regional Nordeste 4 (Piauí), foi o primeiro a receber o projeto. A Campanha foi lançada no dia 6 de março deste ano, em Teresina.





Comentários no Facebook:

comments

Veja tambem  Porta-voz vaticano: Maria, presente de Jesus na cruz

Anteriores

Secretário da CNBB: aborto é um crime que clama aos céus

Próximo

Catacumba de São Calisto acolherá exposição sobre suas origens

9 Comentários

  1. Patricia

    A igreja católica está cada vez mais preocupada em ensinar a palavra de Deus, infelizmente são poucos os interessados.

  2. Marilda Silveira

    Caro Felipe,
    Para você refletir:

    Ao percebermos erros nos outros é um aviso para ver e corigir as próprias falhas.
    (Frei Anselmo Fracasso)

    O que vale na vida não é o ponto de partida e sim a caminhada,
    caminhando e semeando, no fim terás o que colher.
    (Cora Coralina)
    Ver, julgar, agir. Ver o verdadeiro, decidir o justo, agir por amor e com amor.
    Bv. Papa João XXIII

    Fica na paz! Que o Senhor te ilumine.

  3. Marilda Silveira

    Felipe,
    A paz do Senhor!
    Só mais um adendo, sobre a primeira frase: “Ao percebermos erros nos outros”…
    Será que você tem a capacidade suficiente para discernir?
    Posso garantir-lhe que você não foi feliz fazendo uma crítica tão insegura,
    ainda mais com citação bíblica.
    Pense nisso…
    Que Deus lhe abençoe e ilumine.

  4. ANETE MARIA DOS SANT

    Olá queru parabeniza´los por este projeto es distribuir este KIT

    sei qur muito vai ajudar a catequsar estas crianças. Sou Catequistas e gostaria muito de saber como fazemoa para receber este Kit, faço parte da com.Sao Francisco de Assis,pertenso a Paróquia Sao Jose.Minha comunidade é muito pobre como todas as que pertense a Paróquia Sao Jose.

    Sou Catequista da Sementinha e da primeira etapa, não imaginam o quanto fico feliz em fazer esta obra .

    Foi um pedido de Deus e dei um sim, por isto apesar de minhas dificuldades- sou deficiente fisica- faço um bonito trabalho tenho consciencia disto, entao peco nos presentei com este Kit

    não imagimam o quanto nos farão felizes.

    PAZ E BEM

    Anete

    Fone 31 3638-2501

    Paz

  5. Rodrigo

    PARABÉNS PELA INICIATIVA!!!!
    É FANTASTICO!!!
    PENA QUE SEMPRE APARECE FANATICOS PARA COLOCAR DEFEITO!!!

    PAZ DE CRISTO E O AMOR DE MARIA !!!

    SHALON!!!!

  6. JURANDIR ALVES PIRES

    Esta iniciativa da CNBB de distribuir 1 milhão de Bíblias entre as pessoas menos favorecidas é um projeto louvável e até mesmo um ato de caridade. Uma pessoa pode ler a Bíblia 50 vezes, de Gênesis à Apocalípse, mas se não compreender o que Deus está falando através da sua Palavra, toda a leitura se torna em vão.
    Somente o Espírito Santo pode nos orientar com exatidão como ler e compreender a Palavra de Deus. Portanto, não tente ler a Bíblia usando a sua própria sabedoria, mas sim, da sabedoria do Espírito de Deus. A Igreja Católica é muito rica em ensinamentos, onde existem as Pastorais, a Renovação Carismática Católica, o Cursilho de Cristandade, o ECC (Encontro de Casais com Cristo, etc.) Entre os quais pude conhecer Deus na RCC, Renovação Carismática Católica. Na RCC existem os Seminários de Vida no Espírito. A cada Seminário feito a pessoa vai se aprofundando no conhecimento de Deus, e assim vai até que esta pessoa fique com o seu coração repleto das maravilhas de Deus. E é neste momento que queremos abraçar, amar e oferecer água e comida até para o nosso próprio inimigo. Nós mesmos não damos conta de fazer isso, mas o Espírito Santo faz em nós. Para finalizar, peço carinhosamente às pessoas que dirigem as Paróquias para orientar os fiéis a possuir, conduzir e ler em Espírito e Verdade a Santa Palavra de Deus. Que Deus na sua infinita bondade seja a luz que clareia os vossos caminhos, repletos de amor,serenidade e santidade. Um beijo no mais íntimo dos vossos corações !!!

  7. Elita Maria Jön

    Gostaria de saber como fazer o projeto para receber a Bíblia da CNBB. Alguma orientação!
    Agradecida, Elita

  8. Manoel Fernandes Ara

    A Igreja Católica ensina muito pouco, prega quase nada sobre a Palavra de Deus para o seu povo, desta forma o povo católicotem pouco conhecimento da Bíbilia. Digo isso porque já fiz vários encontro de casais, e vi naquele povo do encontro pouco conhecimento da Palavra de Deus, vi tambem muito intresse material por parte da Igreja Católica, mas o que nós precsamos é do interesse espiritual, precisamos mesmo é de Deus.

  9. Jurandir Alves Pires

    Sou católico, graças a Deus. Dou glórias a Deus por Tê-lo conhecido através da RCC, Renovação Carismática Católica. Estou em pleno acordo com o noso irmão Manoel Fernandes Araújo, quando o mesmo disse que a Igreja Católica ensina pouco e deixa a desejar em suas pregações aos fiéis; mantendo a assembléia à margem do conhecimento. Eu mesmo já observei muitas vezes pessoas ler o Evangelho do dia e depois falar de algo muito diferente do que está escrito no referido Evangelho. Desta maneira a cabeça do leigo vai a mil, porque fazem da Palavra de Deus uma salada. A maioria dos católicos que dão pequenos ensinos ou até mesmo pregações precisam de se submeterem a cursos de aprofundamento de vida no Espírito, pois, uma pregação só se torna ungida quando é manifestada pelo Espírito Santo. O pregador ou Pregadora precisa ser porta-voz do Espírito Santo; quem prega a Palavra de Deus deve ser apenas canal da graça. O pregador ou pregadora pode até ser canais sujos, mas quando o Espírito de Deus fala através deles, ali corre água limpa. Que a paz de Jesus Cristo esteja com todos.

Deixe uma resposta

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén