São João Maria Vianney

São João Maria Vianney – o Cura d’Ars

“O sacerdote é um homem que ocupa o lugar de Deus, um homem que está revestido de todos os poderes de Deus”.

“Deve-se olhar o sacerdote, quando está no altar, como se fosse o próprio Deus”.

“O sacerdote é alguém muito grande! Deus obedece-lhe: diz duas palavras e Nosso Senhor desce do céu”.

“Se eu encontrasse um sacerdote e um anjo, saudaria o sacerdote antes de saudar o anjo. Este é o amigo de Deus, mas o sacerdote ocupa o Seu lugar”.

“O sacerdote só se compreenderá bem a si próprio no céu”.

“Ides confessar-vos à Santíssima Virgem ou a um anjo. Poderão absolver-vos? Dar-vos-ão o Corpo e o Sangue de Nosso Senhor? Não, a Santíssima Virgem não pode fazer descer o seu divino Filho à hóstia. Duzentos anjos não vos poderiam absolver. Um sacerdote, por mais simples que seja, pode. Pode dizer-vos: “Vai em paz, eu te perdôo” “.

“De que vos serviria uma casa cheia de ouro, se não tivésseis ninguém para vos abrir a porta? O sacerdote tem a chave dos tesouros celestiais: é ele que abre a porta”.

“Deixai uma paróquia vinte anos sem padre: ali se adorarão os animais”.

“Quando se quer destruir a religião, começa-se por atacar o sacerdote”.

“O sacerdote não é sacerdote para ele mesmo. Não dá a absolvição a si próprio, não administra a si próprio os sacramentos. Não está para ele, está para vós”.

“O sacerdote deve estar tão constantemente envolvido no Espírito Santo como está na sua batina”.

“Vede o poder do sacerdote? A língua do sacerdote faz, de um pedaço de pão, Deus! É infinitamente mais do que criar o mundo”.

Fonte: http://www.saopiov.org/2009/01/frases-do-cura-dars.html#ixzz2isZDUvGE




Comentários no Facebook:

comments