1. Houve falsos profetas no povo de Israel, e entre vocês também irão aparecer falsos mestres que trarão heresias perniciosas; negarão o Senhor que os resgatou e atrairão sobre si repentina destruição.

2. Muitos seguirão suas doutrinas dissolutas e, por causa deles, o caminho da verdade cairá em descrédito.

3. Levados pelo amor ao dinheiro, procurarão, com palavras enganosas, fazer de vocês objeto de negócios. Mas o julgamento contra eles há muito já começou, e a sua destruição não vai tardar.

4. De fato, Deus não poupou os anjos que haviam pecado, mas lançou-os nos tenebrosos abismos do inferno, onde estão guardados, à espera do dia do julgamento.

5. Também não poupou o mundo antigo, mas salvou Noé, o mensageiro da justiça, junto com outras sete pessoas, enquanto fazia cair o dilúvio sobre o mundo dos ímpios.

6. E também condenou à destruição as cidades de Sodoma e Gomorra, reduzindo-as a cinzas, como exemplo do que havia de acontecer aos ímpios.

7. No entanto, salvou o justo Ló, que se entristecia diante do comportamento dissoluto daqueles perversos.

8. Porque o justo Ló, que morava entre eles, sofria diariamente em seu coração com as obras iníquas que via e ouvia.

9. Isso tudo mostra que o Senhor sabe libertar da prova aqueles que o servem, e reserva os ímpios para o castigo no dia do julgamento,

10. principalmente aqueles que seguem a carne, entregando-se a paixões imundas, e que desprezam a autoridade do Senhor. Atrevidos e auto-suficientes, esses homens não hesitam em blasfemar contra os seres gloriosos;

11. ao passo que os anjos, embora superiores em força e poder, não pronunciam contra eles nenhum julgamento blasfemo na presença do Senhor.

12. Esses homens, porém, como animais irracionais destinados por natureza à prisão e à morte, insultam o que não conhecem e vão perecer com a mesma morte,

13. recebendo a injustiça como salário da sua injustiça. Eles sentem prazer em fazer orgias em pleno dia. Que nojo e que vergonha quando se banqueteiam com vocês, divertindo-se com seus prazeres!

14. Não podem ver mulher sem desejá-la e não se cansam de pecar. Seduzem as pessoas inseguras. Seu coração está treinado para a ambição. Eles são uns malditos!

15. Deixaram o bom caminho e se desviaram, seguindo o caminho de Balaão, filho de Bosor, que se deixou levar por uma recompensa injusta,

16. mas foi repreendido por sua maldade: uma besta muda, falando com voz humana, refreou a loucura do profeta.

17. Esses homens são como fontes sem água e nuvens arrastadas por vento tempestuoso; para eles está reservada a escuridão das trevas.

18. Com seus discursos pomposos e vazios, excitam as paixões e desejos impuros de seus ouvintes e conseguem seduzir aqueles que tinham acabado de se afastar dos que vivem no erro.

19. Prometem a esses liberdade, mas eles próprios são escravos da corrupção, pois cada um é escravo daquele que o vence.

20. De fato, depois de escapar às imundícies do mundo mediante o conhecimento de nosso Senhor Jesus Cristo, se eles de novo são seduzidos e se deixam vencer por elas, seu último estado se torna pior do que o primeiro.

21. Assim, melhor seria que não tivessem conhecido o caminho da justiça do que, depois de tê-lo conhecido, desviarem-se do santo mandamento que lhes fora confiado.

22. Aconteceu com eles o que diz o provérbio: "O cão volta ao seu próprio vômito"; e ainda: "A porca lavada torna a revolver-se na lama."









“Pense em Jesus flagelado por amor a você, e ofereça com generosidade um sacrifício a Ele”. São Padre Pio de Pietrelcina

Newsletter

Receba as novidades, artigos e noticias deste portal.